Ataques no Amazonas

Operação prende 14 pessoas suspeitas de participar da onda de crimes no AM

Prisão foi anunciada pelo governador Wilson Lima durante live deste domingo (6). Entre os suspeitos, está um dos líderes dos ataques no municípios Parintins e Careiro Castanho

Gabrielly Gentil
06/06/2021 às 21:26.
Atualizado em 09/03/2022 às 06:49

(Foto: Reprodução/Internet)

O governador do Amazonas, Wilson Lima, se pronunciou na tarde deste domingo (6), por meio das páginas oficiais do estado. O pronunciamento abordou sobre as ações de segurança referente aos ataques de vandalismo ao longo do dia no Amazonas.

Durante a live, Lima afirmou que 14 pessoas já foram presas, entre elas, um dos líderes dos ataques em Parintins e Castanho. De acordo com a delegada-geral da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), Emília Ferraz Carvalho, um dos mandantes das ações criminosas do bairro Redenção, também foi preso.

O secretário de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), Louismar Bonates, também falou durante a transmissão ao vivo, e informou que os policiais que estavam de folga, foram convocados, e novas prisões estão sendo realizadas. Além disso, o secretário fez um apelo para que não compartilhem fake news.

“Não disseminem boatos para prejudicar a polícia e levar insegurança para a população. Não procede a informação que a ponte do Iranduba foi interditada”, afirmou bonates.

O governador finalizou a live com a informação que a Segurança Pública irá atuar com um efetivo reforçado nesse domingo. “Esperamos que todos os envolvidos sejam presos e punidos pelos atos que estão sendo praticados. A população também pode colaborar com o trabalho da polícia, por meio do 190” finalizou Lima.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por