Prisão

PF prende suspeitos que incendiaram helicóptero do Ibama em Manaus

Até o momento a motivação do incêndio da aeronave, assim como o nome dos suspeitos, foram mantidos em sigilo

Joana Queiroz
27/01/2022 às 01:33.
Atualizado em 08/03/2022 às 15:58

(Foto: Divulgação/IBAMA)

A Polícia Federal prendeu no início da noite  de hoje (26) três homens  que atearam fogo  no helicóptero EC130 B4 do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) na madrugada da segunda-feira (24) nas dependências do Aeroclube do Amazonas.

Dois deles foram presos no bairro Monte Pascoal  é o outro na Colônia Terra Nova, Zona Norte de Manaus . Os suspeitos foram levados para a Superintendência da Polícia Federal, conjunto D.Pedro II, zona centro-oeste, onde estão sendo ouvido em depoimento.

Até o momento a motivação do incêndio da aeronave, assim como a identidade dos suspeitos pelo crime  ainda estão sendo mantidos em sigilo para não atrapalhar a continuação das investigações.

A aeronave de matrícula PR-HVB foi incendiada enquanto estava estacionada perto do hangar da Secretária de Segurança Pública do Amazonas (SSP/AM) por dois homens que invadiram o aeródromo e atearam fogo no helicóptero. 

Acredita-se que o ataque possa ser uma represália às operações do Ibama contra garimpeiros do Rio Madeira. No final do ano passado, uma série de balsas utilizadas no garimpo ilegal foram destruídas em uma operação da Polícia Federal e Ibama.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por