Sexta-feira, 27 de Novembro de 2020
Prisão

Polícia prende suspeito de feminicídio de Emilaine de Souza

André Felipe Silva dos Santos, 28, foi preso por policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS)



121068988_10224232281779256_8627396569349725200_n_4D31706E-991C-4FE6-AABB-750123F1BFF2.jpg Foto TV A Crítica
08/10/2020 às 19:19

Há exatos 11 dias do assassinato da design de sobrancelhas Emilaine de Souza Souza, 19, o principal suspeito do crime foi preso na tarde desta quinta-feira (8), pela equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

O enfermeiro André Felipe Silva dos Santos, 28, recebeu voz de prisão ao comparecer à especializada para prestar novos esclarecimentos acerca do assassinato. Ele chegou para depor por volta das 24h, acompanhado de um advogado.



De acordo com o delegado Charles Araújo, titular da DEHS, a motivação do crime foi passional. Em depoimento, André Felipe apresentou recibos de uma viagem feita para um município do estado.

No entanto, o álibi apresentado pelo suspeito não convenceu a equipe de investigação do caso, que já tinha provas suficientes que o apontavam na cena do crime. Diante dos fatos, ele confessou o assassinato.

"No dia anterior do crime, André forjou ter ido para um município do interior do estado, como forma de provar não que poderia ter cometido o crime. Pelo fato de morar com a vítima, ele retornou ao local. Após ser recebido pela jovem, ele fingiu que dormia. No entanto, ao perceber que Emilaine estava dormindo, ele desferiu aproximadamente 35 facadas contra Emilaine, que morreu no local", explicou.

Após o crime, a equipe de feminicídio da DEHS coletou informações com testemunhas e juntou pistas fundamentais que apontava André Felipe como autor e desmentisse o álibi forjado.

No interrogatório, André Felipe afirmou que afeto e mantinha um relacionamento aberto com Emilaine, porém, não aceitava que ela tivesse outros parceiros.

A autoridade policial ressaltou, ainda, que André Felipe se refugiou em um bairro da capital e, após cometer o crime, seguiu para o município de Boa Vista do Ramos (a 271 quilômetros de Manaus).

Após ser identificado pela equipe de feminicidio da DEHS, André Felipe teve prisão temporária solicitada junto à Justiça. O delegado Charles Araújo informou que a prisão será convertida para preventiva.

André Felipe foi indiciado pelo crime de feminicidio. Ele passou por exames de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) e será apresentado em audiência de custódia na Central de Recebimento de Triagem (CRT). O mesmo ficará preso à disposição da Justiça.

O crime

Emilaine de Souza Souza, 19, foi encontrada morta na noite de 29 de setembro deste ano, dentro da quitinete onde morava com uma irmã e André Felipe. O fato aconteceu na Vila Barreirinha, na rua Desembargador Gaspar Guimarães (antiga Barreirinha), no bairro da União, na Zona Centro-Sul da capital. A vítima foi atingida com 35 facadas, a maioria nas costas.

 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.