Publicidade
Manaus Hoje
BALEADO

Polícia prende suspeito de homicídio em 'guerra do tráfico' em Manacapuru

Segundo a PM, Marcos Antônio da Silva Ataíde, de 24 anos, trocou tiros com Anderson Naúna antes de matá-lo, na quarta-feira (12) 13/10/2016 às 18:59
Show 9  bpm 2
Suspeito foi levado ao hospital em Manaus sob escolta policial e voltou para Manacapuru preso (Foto: Divulgação/ PM)
acritica.com* Manaus (AM)

Marcos Antônio da Silva Ataíde, de 24 anos, foi preso em Manacapuru, na manhã desta quinta-feira, suspeito de assassinar a tiros Anderson Naúna Pedrosa Feitoza, 27, que morreu na tarde desta quarta-feira, no bairro Liberdade, no município que fica a 88 quilômetros de Manaus. 

O suspeito foi preso por policiais militares do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM). Segundo a PM, Marcos trocou tiros com a vítima na quarta-feira e outras pessoas foram atingidas pelos os disparos de arma de fogo: Fabricio Bandeira (23) e uma menor de 2 anos.

Marcos foi atingido no braço e tanto ele como as vitimas foram encaminhados a Manaus para procedimento médico, sendo acompanhados pela equipe policial.  

Segundo a equipe policial, após atendimento médico, o suspeito foi levado a delegacia de Manacapuru para os procedimentos cabíveis.

A morte de Anderson Pedrosa foi a segunda num intervalo de 24 horas em Manacapuru. Antes dele, na noite de terça-feira, Diego Maradona Bandeira de Souza, vulgo “Diego Olhão”, de 27 anos, foi executado com vários disparos. Segundo a polícia, ele era envolvido com o tráfico de drogas. Anderson, por sua vez, era, segundo moradores, uma espécie de “segurança” do traficante Jhonatas Bandeira, o  “Joaninha”, que é irmão de Diego 'Olhão'.

O caso chamou a atenção de moradores e da polícia porque após a morte de Diego Olhão, vários áudios de supostos traficantes ligados a Olhão e Joaninha prometem “fazer justiça com as próprias mãos” contra traficantes de facções rivais.

*Com informações de assessoria 

Publicidade
Publicidade