Publicidade
Manaus Hoje
ESTUPRO

Porteiro de escola pública é preso suspeito de abusar sexualmente de aluno de 9 anos

Segundo a vítima, o crime aconteceu dentro do banheiro da escola. O porteiro agarrou o estudante pelo braço e, em seguida, abusou dele 15/06/2018 às 17:47 - Atualizado em 15/06/2018 às 19:56
Show ec33a3a3 7d43 4c0b b093 0f6efd85982b
Foto: Divulgação
acritica.com

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), prendeu nessa quarta-feira (13), por meio de mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável, o porteiro José Rômulo do Oliveira, 49, denunciado por violentar sexualmente um estudante de 9 anos aluno da escola onde o infrator trabalhava, no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Depca, a vítima afirmou que o crime aconteceu no dia 6 de junho deste ano dentro do banheiro da escola. O estudante do Ensino Fundamental relatou, em depoimento, que o infrator o agarrou pelo braço e, em seguida, o violentou sexualmente.

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, o abuso foi confirmado por laudo emitido pela equipe do Instituto Médico Legal (IML). “Após a constatação do fato, representei à Justiça o pedido de prisão temporária em nome do infrator, mas o juiz determinou a prisão preventiva de José Rômulo. O documento foi expedido no dia 12 de junho deste ano, pelo juiz Celso Souza de Paula, no Plantão Criminal. Dessa forma, prendemos o porteiro na casa dele, no Conjunto João Paulo, bairro Jorge Teixeira”, explicou a delegada.

José Rômulo foi indiciado por estupro de vulnerável. Após os procedimentos cabíveis na especializada, ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), no Km 8 da rodovia BR-174 (Manaus - Boa Vista), onde irá permanecer à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade