Publicidade
Manaus Hoje
BANDO

Presa quadrilha de roubos e tráfico que matou vigilante em latrocínio no S. Agostinho

Além de cometerem vários assaltos, o grupo tirou a vida de um vigilante em setembro deste ano no bairro Santo Agostinho. Um deles, Marlon Veras Barragan Santos, está sendo procurado 29/11/2018 às 14:40 - Atualizado em 29/11/2018 às 14:41
Show 26b49fcf 912d 4ce6 a0a4 eec1e49adafa 5da2cfe0 1168 4863 b40c ca71800e706c
Foto: Winnetou Almeida
acritica.com

Fran Lennon da Cruz, 23, Gelcy Gonçalves, Henrique Taylor Valors, 20, e Nataniel Santos Rodrigues foram presos pela Polícia Cicil do Amazonas por integram um grupo criminoso especializado em roubos e tráfico de drogas em Manaus. Eles também são suspeitos de latrocínio, associação criminosa armada e porte ilegal de arma restrita. Um dos membros, Marlon Veras Barragan Santos, está sendo procurado.

Todos foram capturados ontem (28) por policiais da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd) e, conforme o delegado Adriano Felix, titular da Derfd, são responsáveis pelo latrocínio que tirou a vida do vigilante Celso Alves de Almeida no dia 17 de setembro deste ano num estabelecimento comercial da rua Tapi, bairro Santo Agostinho, Zona Oeste da capital amazonense.

Com o bando a polícia apreendeu uma escopeta calibre 12, um revólver municiado calibre 39, dois coletes à prova de bala e dois rádios de comunicação.

Além delwa, foram presos na mesma operação Carlos André Marinho, 35, Glaucinei Abreu, 21, e Conceição Oliveira, 40, esposa de Gelcy, todos acusados de tráfico de droga e porte ilegal de arma de fogo. Com eles foi apreendida uma porção de droga.

Publicidade
Publicidade