Domingo, 22 de Setembro de 2019
membro da fdn

Presidiário é encontrado morto em cela da Unidade Prisional do Puraquequara

Diego Fernandes de Oliveira, o "Cacheado", aguardava julgamento desde novembro de 2015 e era apontado como um dos gerentes da Família do Norte. Seap e Delegacia de Homicídios apuram o caso



Cacheado.jpg "Cacheado" era apontado como um dos gerentes da facção criminosa Família do Norte (FDN) (Foto: Divulgação)
04/07/2016 às 11:38

O presidiário Diego Fernandes de Oliveira, 29, conhecido como “Cacheado”, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (4) na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), localizada no quilômetro 2 da estrada do Puraquequara, Zona Leste de Manaus. Ele foi preso na operação “La Muralla”, deflagrada pela Polícia Federal no ano passado. O presidiário era um dos gerentes da facção criminosa Família do Norte na capital.

Diego aguardava julgamento desde o mês de novembro de 2015. Cacheado é apontado como um dos gerentes da facção criminosa Família do Norte (FDN) e era visto pela polícia como um grande distribuidor de drogas na cidade.

O corpo dele foi encontrado por volta das 8h, no momento em que os internos saíam para o banho de sol. Informações dão conta de que ele foi estrangulado. 

Segundo a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), os internos que dividiam a cela com a vítima serão encaminhados a uma delegacia para prestar esclarecimentos. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) esteve no local. O corpo de Diego foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.