Publicidade
Manaus Hoje
Mas é recapturado

Preso da La Muralla, vereador de Tonantins tenta fugir de batalhão e é recapturado

O vereador tentou escapar pulando o muro do Batalhão de Guardas da PM do bairro Monte das Oliveiras, Zona Norte, mas foi rendido e preso novamente, conforme policiais do 15º DIP 25/07/2016 às 20:22 - Atualizado em 26/07/2016 às 01:08
Show show 20160421131851  1
O Batalhão de Guardas da PM do bairro Monte das Oliveiras (Foto: Márcio Silva)
acritica.com

O vereador do município de Tonantins Radson Alves de Souza, preso na Operação La Muralla da Polícia Federal, tentou fugir nesta segunda-feira (25) do Batalhão de Guardas da Polícia Militar, em Manaus, onde estava detido. Entretanto, logo em seguida ele foi recapturado.

Segundo informações de policiais do 15º Distrito Integrado de Polícia (DIP), o vereador tentou escapar pulando o muro do Batalhão de Guardas da PM, que fica no bairro Monte das Oliveiras, na Zona Norte. Porém, ele foi rendido e novamente preso. Devido à tentativa de fuga, ele teve que ser levado ao 15º DIP.

La Muralla

O vereador Radson foi pela PF em novembro do ano passado na Operação La Muralla, deflagrada para desarticular o tráfico de drogas organizado e que teve como alvo principal a facção criminosa Família do Norte (FDN). Radson foi capturado no município de Tonantins.

Na época, foram cumpridos 127 mandados de prisão e 67 de busca e apreensão em várias cidades do Amazonas – como Manaus, Tonantins e Tabatinga – outras cidades brasileiras e também no Peru, na Colômbia, Venezuela e Bolívia.

Segundo a Polícia Federal, o vereador Radson Alves de Souza recebia quantias altas em dinheiro em sua conta bancária para pagar entorpecentes. “Foi verificado vários depósitos na conta”, disse na época o delegado federal Marcelo Rezende.

Publicidade
Publicidade