Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
COVARDIA

Preso por amarrar e enforcar cozinheiro confessa crime e diz que só se defendeu

Segundo a polícia, dívida de R$ 600 da vítima com o assassino referente a programas foram o motivo do crime, que ocorreu em novembro passado



WhatsApp_Image_2018-01-30_at_10.57.51.jpeg Felipe confessou o crime, mas disse que não tinha intenção de matar (Foto: Jander Robson)
30/01/2018 às 11:12

Felipe Reis de Araújo, de 25 anos, foi preso por policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Segundo a polícia, Felipe é o autor do homicídio que teve como vítima o cozinheiro Elias de França Farias, ocorrido no dia 18 de novembro de 2017.

De acordo com informações do delegado titular da DEHS, Juan Valério, o crime ocorreu após uma discussão entre a vítima e o suspeito por conta de uma dívida. "A vítima conheceu o autor na rua e o chamou pra fazer um programa no valor de R$ 200. A partir disso foram feitos mais dois programas sempre com a promessa de que pagaria posteriormente. Pela última vez ele chamou o Felipe, dizendo que pagaria os atrasados, o que não ocorreu", explicou o delegado. Segundo o depoimento do autor, ele foi cobrar o valor de R$ 600 referente aos programas, quando se iniciou a discussão. Felipe amarrou as mãos e os pés da vítima e o enforcou com o fio do ferro de passar roupa.

Felipe confessou o crime, mas disse que achava que não tinha matado a vítima. "Ele me deu um soco e eu me defendi, enforquei ele mas achei que ele não tivesse morrido. Em nenhum momento eu quis matar ele, eu só me defendi", disse.

O autor foi indiciado por homicídio e furto, mas ficará custodiado na DEHS até que o pedido de prisão preventiva, já solicitado por Juan Valério, seja expedido.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.