Publicidade
Manaus Hoje
SEM SUCESSO

Presos tentam fugir de presídio e são interceptados por polícia em Parintins

Os criminosos tentaram sair da unidade prisional do município por uma escavação no muro, mas não tiveram sucesso. Outras quatro pessoas foram presas 09/09/2018 às 10:17 - Atualizado em 09/09/2018 às 10:38
Show presos parintins 7b79e2d5 1ab1 4af8 9ff0 d9dcf274370c
Os presos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Parintins (Foto: Divulgação)
Amanda Guimarães Manaus (AM)

Nove presos do presídio de Parintins, localizado na avenida Nações Unidas, tentaram fugir na madrugada deste domingo (9) da unidade prisional. Os criminosos tentaram sair do local por uma escavação no muro, mas acabaram sendo interceptados pela equipe da Força Tática do 11º Batalhão do município localizado a 369 quilômetros de Manaus. Outras quatros pessoas foram presas.

Segundo o comandante da Força Tática de Parintins, Ricardo Viana, a tentativa de fuga aconteceu por volta das 3h deste domingo. A polícia do município recebeu informações sobre as atividades dos criminosos e aumentou o patrulhamento na cidade.

“Já tínhamos a informação que iria acontecer uma fuga, então intensificamos o patrulhamento das viaturas. Por volta das 3h, conseguimos constatar a veracidade da ocorrência. Visualizamos o inicio da escavação no muro e aguardamos os detentos saírem. Dois deles voltaram para as celas, outros foram pegos por nós na saída da delegacia”, informou o tenente.

O comandante da Força Tática explica que outras quatro pessoas estavam esperando na Praça da Liberdade para auxiliar na fuga dos detentos. Três homens e uma mulher, foram também interceptados pela polícia.

“Quatro indivíduos, três homens e uma mulher, estavam esperando na Praça da Liberdade para levarem os detentos para outros destinos. Cada um deles estava em posse de uma motocicleta. Eles também foram presos”, disse.

A polícia acredita que os detentos da unidade prisional de Parintins improvisaram materiais para fazer a escavação no muro. “Eles improvisaram material e começaram a cavar. Não fazem nada, passam 24 horas do dia pensando nisso (fuga). Há três dias tínhamos a informação que a fuga poderia acontecer”, completou o tenente. 

Os onze presos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Parintins, onde ficarão a disposição da Justiça.

Publicidade
Publicidade