Publicidade
Manaus Hoje
PRISÃO

Procurado por participação na morte de sargento se entrega a polícia

Ele é acusado de matar com um tiro na cabeça o sargento da Aeronáutica Melquizedeque Paixão Dias, 33 anos 09/06/2016 às 15:10
Show ujdjudsf
Wenderson Matos da Silva, 22, se entregou na manhã desta quinta-feira (9), na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros
Fabio Oliveira

Procurado pelo crime de homicídio, Wenderson Matos da Silva, 22, se entregou na manhã desta quinta-feira (9), na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste.

Ele é acusado de matar com um tiro na cabeça o sargento da Aeronáutica Melquizedeque Paixão Dias, 33 anos. O crime ocorreu na última segunda-feira (6), por volta das 18h30, na rua Ramos Ferreira, Centro.

De acordo com o delegado Ivo Martins, titular da DEHS, Wenderson se apresentou na companhia de um advogado e prestou o primeiro depoimento sobre o crime. Segundo Martins, ele confessou ser o autor do disparo que matou o sargento, porém as informações sobre como ocorreu o crime são diferentes das fornecidas pelo soldado da Base Aérea Brendo Silva da Silva, de 22 anos. O militar já está preso na sede da DEHS.

Segundo o delegado, Wenderson foi liberado logo após o término do depoimento, pois o mandado de prisão contra ele ainda não havia sido expedido pelo judiciário. “Quando prendemos o Brendo em flagrante, nós comunicamos a justiça e pedimos a prisão do Wenderson, mas ainda não foi expedida e, por isso, ele foi liberado”, explicou e disse que assim que o mandado for expedido, Wenderson será preso e conduzido a cadeia pública.

Publicidade
Publicidade