Publicidade
Manaus Hoje
OUSADIA

Revista na cadeia de Parintins revela tráfico de drogas na unidade, diz polícia

Foram encontrados cerca de 300 'pinos' de entorpecentes, além de dinheiro em espécie e cadernos com anotações do comércio de drogas. Treze detentos foram transferidos para Manaus 10/09/2018 às 17:30
Show whatsapp image 2018 09 10 at 17.16.45 31b360d0 ff03 4a97 b57b 902c0974a002
(Foto: Divulgação)
Carlos Alexandre - Especial para A CRÍTICA Parintins (AM)

Treze detentos da unidade prisional de Parintins foram transferidos na tarde desta segunda-feira, 10/09, para Manaus após determinação do Juiz plantonista da segunda vara da comarca local, Saulo Pinto.  Antes da transferência, a Polícia, acompanhada do magistrado, realizou revista nos pavilhões e encontrou drogas, telefones celulares e vários blocos de anotações que sugerem o comércio de drogas no interior da unidade.

A decisão de fazer a transferência foi tomada  um dia depois que nove detentos tentaram fugir da cadeia do município, na madrugada deste domingo.  A operação foi comandada pela tropa de choque da Polícia Militar que veio da capital amazonense e ainda contou com a participação de 15 homens da força tática e 15 homens que atuam no batalhão local. A reportagem apurou que foram encontrados dentro do presídio mais de 300 "pinos" de entorpecentes, mais de 30 telefones celulares, vários carregadores, chips para os telefones e  dinheiro. "Essa revista, ao meu ver, foi a maior revista já feita em termo de objetos proibidos dentro do presídio aqui de Parintins", afirma o Tenente Ricardo Viana comandante da Força Tática. 

A direção do presídio não autorizou a divulgação do balanço oficial dos materiais encontrados na unidade, que serão posteriormente informados pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP).

O material apreendido foi encaminhado para a Polícia Civil, para identificar quais os tipos de substâncias que estavam sendo comercializados na unidade. "Nós pegamos todos os objetos que configuram tráfico de drogas, grande quantidade de dinheiro e entorpecentes, então por si só já configura tráfico ", diz o militar, assegurando que foram encontradas anotações e registros de venda que comprovam o tráfico de drogas. 

Transferência 

Foram conduzidos para Manaus; Alex Viana de Jesus e Andre Souza da Silva. Eles participaram tentativa de fuga frustrada na madrugada de domingo,09/09. Também foram conduzidos para Manaus os presos acusados de assaltar a casa de um empresário no município de Boa Vista do Ramos. São Eles: Arão Viana de Jesus, Dailson da Silva Campos, Diego Viana de Jesus, Edinelson dos Santos Araújo, Janderson de Souza Castro, José Lúcio Soares Maia, Luiz Mário Martins Figueira, Nelyandro Tavares Guimarães Filho e Roney de Sá da Gama. Do pavilhão de presos condenados foram transferidos  Judson de Melo Pereira e Matheus Lopes da Costa.

Publicidade
Publicidade