Terça-feira, 10 de Dezembro de 2019
Prisão

Sargento é preso por estupro de vulnerável e favorecimento a prostituição

A investigação iniciou após a polícia receber um envelope com conteúdo pornográfico entre uma jovem de 14 anos e o sargento de 44 anos



pris_o.JPG O sargento da Aeronáutica José Carlos da Silva, 44, foi preso no bairro Cidade Nova (Foto: Winnetou Almeida)
03/11/2016 às 11:34

O sargento da Aeronáutica José Carlos da Silva, 44, lotado no Cindacta IV, foi preso no bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus, por policiais civis o 6° Distrito Integrado de Polícia (DIP) por estupro de vulnerável e favorecimento a prostituição.

Segundo o delegado Jeff Mac Donald, titular do 6° DIP, o sargentou cometeu o crime contra uma adolescente de 14 anos. O fato ocorreu, segundo a polícia, em uma casa na rua Canário, mesmo bairro e local da prisão, há pelo menos três meses.



A investigação iniciou após a Polícia Civil receber um envelope com conteúdo pornográfico entre a jovem de 14 anos e o sargento da Aeronáutica.

De acordo com o delegado, o militar confessou ter tido relação sexual com o consentimento da jovem, fato que foi confirmado também pela adolescente. Entretanto, a jovem revelou que não sabia da existência de vídeo que mostrava o ato sexual entre os dois.

O sargento foi indiciado pelos crimes de estupro de vulnerável e favorecimento a prostituição. Ele ficará preso na Base Aérea de Manaus.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.