Publicidade
Manaus Hoje
POLÍCIA MILITAR

Suspeito de assaltar veículo na Sefaz é morto durante fuga e troca de tiros com a PM

Os dois suspeitos foram localizados próximo ao Terminal 3 da Cidade Nova. Um deles se entregou e foi preso; a dona do veículo ficou ferida 24/05/2017 às 13:18 - Atualizado em 24/05/2017 às 15:21
Show a5db3210 c3ef 4a66 8ebf a22c8f7cde33
(Foto: Jander Robson)
Dani Brito e Vinicius Leal Manaus (AM)

Um homem suspeito de assaltar um veículo foi morto no final da manhã desta quarta-feira (24), em Manaus, durante fuga e troca de tiros com a Polícia Militar, na av. Guaranás, Baixada Fluminense, bairro Cidade Nova 1, na Zona Norte da capital. O comparsa dele se entregou e foi preso. A vítima e dona do veículo ficou ferida

O homem morto foi identificado como Adriano Peixoto, de 45 anos. Segundo o coronel Álvaro Cavalcante, comandante do Comando de Policiamento Especializado (CPE) da PM, o veículo roubado é um Fiat Punto de cor branca e placas OXM-7128, que estava sendo conduzido por uma mulher.

Conforme informações do coronel, o roubo aconteceu no final desta manhã. Dois homens abordaram a vítima nas proximidades da sede da Secretaria de Fazenda (Sefaz), no bairro São Francisco, na Zona Sul da cidade, e roubaram o veículo dela . A mulher foi levada como refém com eles.

Após receberem a informação do roubo via rádio, os policiais militares iniciaram as buscas pelo automóvel, que foi localizado próximo ao Terminal de Ônibus 3, da Cidade Nova. Durante abordagem, um dos suspeitos se entregou e o outro continuou em fuga, até trocar tiros com a guarnição e ser atingido e morto.

O infrator que se entregou foi identificado como Wyndson dos Santos Sales, de 31 anos. Ele foi levado à carceragem de uma viatura e depois conduzido a uma delegacia da cidade para ser autuado em flagrante.

A perícia do Instituto de Criminalística foi ao local do crime, bem como policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros. O número de tiros que matou o suspeito ainda não foi confirmado. O corpo dele foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML).

A vítima do roubo foi socorrida e levada ao Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo, na Zona Leste. A identidade dela não foi divulgada. A polícia não soube informar se os ferimentos nela foram causados por arma de fogo. O estado de saúde da mulher também não foi informado.

Publicidade
Publicidade