Publicidade
Manaus Hoje
HOMICÍDIO

Preso por matar a tiros a ex-companheira no São Jorge ameaçava a vítima, diz polícia

Conforme delegado, Kleber de Melo, 28, ainda armou uma emboscada para matar a manicure Joyciline Feitosa, 27, no último dia 28 de setembro deste ano 18/10/2018 às 11:45 - Atualizado em 18/10/2018 às 11:51
Show 9ee12cae 6c94 4651 ab88 817aef66affc 0d41135e 3157 4b2e bd59 79c9a795b378
Foto: Jander Robson
Márcia Monteiro Manaus (AM)

O mecânico Kleber Silva de Melo, de 28 anos, foi preso pela Polícia Civil do Amazonas como suspeito de assassinar a tiros a ex-companheira dele, a manicure Joyciline Lima Feitosa, de 27 anos, no último dia 28 de setembro no bairro São Jorge, na Zona Oeste da cidade. Ele foi preso no bairro da Compensa,

Segundo a polícia, Kleber vinha ameaçando a vítima devido a uma briga deles na Justiça pela guarda da filha e, inclusive, teria monitorado o paradeiro de Joyciline no dia do crime.

Conforme o delegado Orlando Amaral, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), durante todo o dia 28 de setembro uma amiga de Kleber, a mando dele, ficou pedindo que Joyciline fizesse serviços de manicure para ela. Assim, a comparsa saberia o paradeiro da vítima e o passo a passo dela em todo aquele dia. Joyciline acabou caindo na emboscada e foi baleada quando chegava em casa, no bairro São Jorge.

Kleber negou a autoria do crime, mas confirmou as brigas. Segundo ele, os desentendimentos entre o ex-casal começaram após um suposto crime de maus-tratos sofrido pela filha deles e que teria sido cometido pelo atual esposo da manicure. A polícia não confirmou tal versão.

Agora, o mecânico foi indiciado por homicídio e deverá ser levado ainda hoje para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), no Km 8 da rodovia federal BR-174, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Publicidade
Publicidade