Publicidade
Manaus Hoje
TRAGÉDIA

Técnico de enfermagem pegou ônibus errado antes de ser morto em assalto

Alessandro Pinho desceu em parada de ônibus diferente e acabou sendo alvo de bandidos que faziam arrastão. Ele concluiria faculdade de Farmácia em 2018 12/12/2017 às 12:13
Show aleaa
Dani Brito Manaus

Na manhã de hoje (12), familiares e amigos do técnico de enfermagem Alessandro Pinho da Silva, 27, que foi morto na noite de ontem (11)), durante um assalto no bairro Flores, na zona Centro-Sul da cidade, reuniram-se em uma corrente de solidariedade a esposa e a filha de três anos de idade do rapaz.

O velório acontece na casa da sogra da vítima, no bairro Alvorada, zona Centro -Oeste da cidade. "Ele era um ótimo marido, um excelente genro e um pai maravilho. Não temos palavras para traduzir o que estamos sentindo ", disse a sogra de Alessandro, Dulce Soares, 54.

Conforme os familiares, Alessandro estava cursando faculdade de Farmácia e em 2018 iria se formar. Na noite de ontem ele retornava para casa, quando acabou precisando descer em uma parada de ônibus diferente por ter pego ônibus errado. "Ele pegou o ônibus por engano e por isso teve que descer ali. Na  hora do arrastão ele estava distraído e ao se assustar com o roubo acabou assustando também os bandidos que atiraram", ressaltou a tia da vítima, Elci Mota.

O enterro do técnico está marcado para acontecer ainda hoje (12), as 15h no Cemitério Nossa Senhora Aparecida.

Publicidade
Publicidade