Domingo, 21 de Abril de 2019
publicidade
tarum_.JPG
publicidade
publicidade

ZONA OESTE

Três encapuzados estupram mulher, agridem caseiro e roubam sítio no Tarumã

Segundo PM, cada um dos bandidos abusou sexualmente da mulher, que estava de resguardo, e fizeram tudo na frente do companheiro dela


01/06/2018 às 20:44

De resguardo, a esposa de um caseiro foi estuprada, na madrugada de sexta-feira (1º), por três criminosos durante roubo em um sítio no bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus. Cada um dos bandidos abusou da vítima e ainda na frente do marido, que ficou amarrado. A informação foi confirmada e repassada pelo sargento Edson França, da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

De acordo com o policial militar, o crime aconteceu por volta das 2h, quando os bandidos invadiram o sítio, localizado no ramal do Laureano, no bairro Tarumã, próximo da Vivenda Verde. Segundo o PM, o trio chegou encapuzado no local e abordou primeiramente o caseiro do sítio, que estava dentro de uma casa. Os bandidos o amarraram e o agrediram em seguida.

Minutos depois, a esposa do caseiro, que teve o nome preservado, foi abusada sexualmente por cada um dos criminosos. “Cada um abusou, a mulher estava de resguardo e eles fizeram isso tudo na frente do companheiro dela”, explicou o sargento França, acrescentando ainda que após o estupro, os criminosos seguiram para a casa do proprietário do sítio.

“Logo depois do estupro, eles foram à casa do proprietário e minutos depois o dono chegou e já foi abordado pelos bandidos”, disse França. O trio ficou mais de 30 minutos no sítio e saiu do local levando vários eletroeletrônicos. Segundo o policial militar, foram levados dinheiro, televisões e outros objetos da residência. “Fizeram a limpa, levaram muita coisa”, afirmou o sargento.

A Polícia Militar chegou ao local depois do acontecido, após o filho do proprietário perceber algo estranho no sítio e ligar em seguida para o 190. Segundo o sargento Edson França, que atendeu a ocorrência, o filho do dono chegou a ir ao sítio e estranhou porque viu o local com bastante iluminação durante a madrugada. No entanto foi obrigado pelo pai a ir embora.

“O filho chegou logo depois e ainda viu o pai, estranhou porque estava tudo aceso e ainda chegou a falar com o pai, mas o mesmo mandou ele ir embora, então acredito que o filho percebeu que tinha algo errado e em seguida saiu, chamou a polícia e voltou depois, mas os bandidos já tinham ido embora”, esclareceu França.

A 20ª Cicom e outras viaturas de áreas próximas ainda fizeram buscas pelos criminosos, mas não tiveram sucesso. O trio praticou o roubo usando facas e uma arma caseira. Segundo o PM, os bandidos fugiram no carro do proprietário, um Sandero, de cor vermelha e placas-JIR 8857, que ainda não foi localizado. Um boletim de ocorrência foi registrado no 19º DIP e também na Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV). Porém, o caso deve ser investigado por uma equipe do 20º Distrito Integrado de Polícia (DIP), responsável pela área. Até o momento não houve avanço no caso.

publicidade
publicidade
Trio é preso com drogas em quarto de hotel de luxo no Adrianópolis
Tarumã fecha parceria com projeto de Rio Preto da Eva para time de futebol feminino
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.