Publicidade
Manaus Hoje
INTERIOR DO AM

Trio é preso por participação em roubo à loja em Tabatinga; prejuízo de R$ 67 mil

Na ocasião, os infratores subtraíram da loja, 47 aparelhos celulares, avaliados em torno de R$ 67 mil, além de um notebook 12/10/2018 às 14:33 - Atualizado em 12/10/2018 às 14:34
Show trio preso 93c02a1a c13e 4018 8fbc bb57e7a63006
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Aleson Souza Rodrigues, 19, Amarilson Gonçalves Araújo, 26, e Reginaldo Justino de Souza, 20, foram presos nesta sexta-feira (12) por roubar 47 celulares de uma loja de eletrodomésticos no município de Tabatinga, distante 1.108 km da capital. O trio foi atuado roubo majorado e corrupção de menores.

Segundo a delegada Mary Anne Trovão, da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Tabatinga, o trio está envolvido em roubo ocorrido no último dia 5 de outubro, em uma loja de eletrodomésticos do município. Ela explicou que o roubo ocorreu por volta das 11h30, quando cinco indivíduos adentraram o estabelecimento comercial e renderam clientes e funcionários do lugar. Na ocasião, os infratores subtraíram da loja, 47 aparelhos celulares, avaliados em torno de R$ 67 mil, além de um notebook.

Diligências

A titular da DIP informou que sete pessoas participaram do delito, sendo Aleson, Amarildo e Reginaldo, outros dois indivíduos, que já estão sendo investigados, e mais dois irmãos adolescentes, sendo um de 16 e outro de 17 anos, que foram apreendidos na última quarta-feira (10), por policiais militares lotados naquele município, em posse de um revólver calibre 38, utilizado no delito. Conduzidos a unidade policial, os irmãos confessaram a participação no delito e delataram os comparsas.

“Iniciamos as investigações em torno do caso logo após tomarmos conhecimento do delito. Estávamos em posse das imagens das câmeras de segurança do estabelecimento e já suspeitávamos da participação dos adolescentes no crime e, após a apreensão dos dois, ouvimos eles em Termo de Declaração quando confessaram a participação no delito e delataram os comparsas”, explicou a delegada.

Após a identificação dos Aleson, Amarildo e Reginaldo, a delegada solicitou junto à Justiça os mandados de prisão preventiva em nome dos infratores. As ordens judiciais foram expedidas pelo juiz Samuel Pereira Porfírio, titular da Comarca de Tabatinga. “No total foram sete pessoas envolvidas no delito. Cinco realizaram o roubo e dois estavam vigiando a loja. Eles entraram no estabelecimento com as armas de fogo, renderam os clientes e funcionários, quebraram as gôndolas, deram chutes, coronhadas e socos nas vítimas. O grupo foi bem agressivo, inclusive Aleson efetuou um tiro para intimidar as pessoas que estavam no lugar”, pontuou.

Continuação dos trabalhos

Mary Anne Trovão ressaltou que os trabalhos em torno caso irão continuar com intuito de prender o restante do bando, além de recuperar os objetos subtraídos da loja. “Dos sete indivíduos, conseguimos prender três e apreender os dois adolescentes, os outros dois já estão sendo investigados pela nossa equipe. As diligências seguem com objetivo, também, de recuperar os objetos roubados do estabelecimento”, enfatizou a delegada.

Indiciamentos

Aleson, Amarildo e Reginaldo foram indiciados por roubo majorado e corrupção de menores. Ao términos dos procedimentos na delegacia, o trio será levado para Unidade Prisional de Tabatinga, onde irá ficar à disposição da Justiça. Os dois adolescentes irão responder por ato infracional análogo aos crimes de posse de arma de fogo, em razão das apreensões em flagrante, e por roubo majorado pela participação no crime.     

Publicidade
Publicidade