Publicidade
Manaus Hoje
LATROCÍNIO

Vendedor de cachorro quente é morto em assalto e família suspeita de cliente

Crime aconteceu na madrugada deste domingo, depois que Diogo Gonzaga da Silva havia encerrado a jornada de trabalho vendendo lanches no Manôa 02/04/2018 às 10:33
Show whatsapp image 2018 04 02 at 10.22.43
(Foto: Jander Robson)
Larissa Golvin Manaus

O autônomo Diogo Gonzaga da Silva, 34, foi vítima de latrocínio dentro da casa dele, na rua 33, Conjunto Manôa ll no bairro Cidade Nova, zona Norte. O crime aconteceu na madrugada deste domingo.

O pai da vítima contou que os suspeitos chegaram a pé e entraram na casa de Diogo. “Meu filho tinha chegado do trabalho, ele era dono de um carrinho que vendia cachorro-quente. Eles entraram armados e renderam todos nós, exigindo o dinheiro” disse. 

A família disse ainda que a esposa da vítima estava no quarto do casal, dormindo, quando um dos suspeitos entrou querendo mais dinheiro. “Ele entrou no quarto e tentou agredir a minha nora, mas todo o dinheiro que tinha o meu filho já tinha entregado. Eles foram embora e na saída o meu filho levantou do chão pra reagir e quando chegou lá fora o rapaz que estava armado atirou e saíram correndo. Meu filho ficou no chão, caído", contou o pai da vítima (foto abaixo).

Um dos suspeitos já foi identificado pela família desde o momento do crime.Segundo a família de Diogo, o suspeito era cliente de da vítima e ficava observando a movimentação de dinheiro.

O caso foi registrado no 14º Distrito Integrado de Polícia e está sendo investigado.

Publicidade
Publicidade