Publicidade
Manaus Hoje
CRIME

Vendedor de queijos é assassinado com sete tiros durante confusão no Alvorada

A polícia informou que Neuton era usuário de drogas e foi atingido com sete tiros, sendo cinco nas costas e dois no tórax. A esposa relatou que só conhecia a vítima dentro de casa 14/10/2017 às 10:29
Show iml 3
O homem de 45 anos foi morto na madrugada deste sábado (Foto: Arquivo AC)
Danilo Alves Manaus (AM)

O vendedor de queijos Neuton Babilônia Nascimento, 45, foi morto, na madrugada deste sábado (14), com pelo menos sete tiros, durante confusão em bar na Rua 6, bairro Alvorada 2. As informações são da esposa da vítima, de 42 anos, que não quis ter o nome revelado.

De acordo com a esposa, Neuton vendia espetinhos de queijo quente durante a noite e saiu, na última sexta-feira (13), para o complexo de bares que fica próximo à Rua 6. Segundo ela, o crime foi por volta das 4h15, próximo Bar do Jotan.

“Eu só soube que veio um grupo até a rua e começou a atirar contra alguns homens. Eu não estava lá e não sei dizer porque meu marido foi atingido. Eu conheço ele apenas em casa, fora de casa ele é outra pessoa”, disse.

A equipe de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) informou que Neuton era usuário de drogas e foi atingido com sete tiros, sendo cinco nas costas e dois no tórax.

As investigações apontam que o crime pode estar relacionado acerto de contas devido ao tráfico de drogas, já que a vítima foi alvejada com muitos tiros, no entanto há a possiblidade do vendedor ter se envolvido na briga para defender terceiros. O caso deve ser investigado.

Publicidade
Publicidade