Domingo, 15 de Setembro de 2019
ZONA LESTE

Venezuelano é acusado de estuprar adolescente de 16 anos no Puraquequara

Após a adolescente gritar da casa do suspeito, ele foi agredido por populares e ficou com vários hematomas no tórax



depca_0A7A63DC-C68A-48CF-AEA1-BD4DB9C2FA7B.JPG Foto: Reprodução/Internet
20/11/2018 às 12:39

Um venezuelano de 23 anos foi preso em flagrante, na noite de segunda-feira (19), por suspeita de estuprar uma jovem de 16 anos dentro de uma residência, localizada na rua Cravo do Norte, no bairro Puraquequara, na Zona Leste de Manaus.

De acordo com o relatório do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), o suspeito foi agredido por populares e ficou com vários hematomas no tórax. Em seguida ele foi preso por policiais militares da 28ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

A delegada Laura Câmara, plantonista da Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca), informou que o venezuelano foi levado para a delegacia e autuado em flagrante por estupro de vulnerável.

Em depoimento, o suspeito relatou que conheceu a jovem na igreja e que já conversava com a mesma durante duas semanas. De acordo com a delegada, o venezuleano levou a adolescente para sua casa, onde, segundo ele, manteve relação sexual com o consentimento dela.

“A vítima nega, disse que não queria ter relação, que foi forçada e que ao gritar pedindo socorro, populares e vizinhos ouviram e começaram a jogar pedras no telhado da casa. O suspeito então saiu e foi agredido pelos populares”, explicou a delegada Laura Câmara.

A vítima também foi ouvida na delegacia e conduzida para o hospital, onde foi submetida a exames. O suspeito venezuelano foi autuado pelo crime e deve ser encaminhado para uma audiência de custódia, onde deve ficar à disposição da Justiça.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.