Publicidade
Manaus Hoje
POLÍCIA

Vídeo mostra trio armado correndo atrás de vítima na Zona Norte, em Manaus

Moradores afirmam que motivo seria uma "rixa" entre traficantes rivais pela venda de entorpecentes. Polícia afirma que área onde o vídeo foi gravado está sendo monitorada 29/03/2018 às 21:33
Show armados
Foto: Divulgação
Rita Ferreira Manaus (AM)

Brigas para ter o domínio do tráfico de drogas dentro das comunidades se tornam cada vez mais frequentes em Manaus. Nesta quinta-feira (28), um vídeo que circulou em redes sociais exibe um trio de homens armados correndo atrás de outro na rua São Paulo, bairro Cidade de Deus, Zona Norte. A polícia informou que acompanha a movimentação na área onde o caso foi gravado.

No áudio é possível ouvir uma mulher pronunciando dois nomes: Anderlan e Felipe, que seriam dois dos três homens que correm armados. “Ei Felipe para com isso. Ei Anderlan, para! Vocês têm que pensar que não é só matar não”, gritou.

À reportagem, um morador da área que pediu para não ser identificado por medo de represálias contou que dois dos suspeitos que aparecem na gravação são traficantes que moram na rua. Eles teriam uma rixa com outros traficantes pela venda de drogas.

 “Esses traficantes são todos parentes. Tem uma família que mantém uma boca (de fumo) na rua São Paulo e outra família que vende drogas na rua São Mateus. Eles brigam entre eles. Esse é só um vídeo, tem outros” disse.

O delegado Thiago Rocha, plantonista do 14º DIP, na Zona Leste comentou que a arma aparenta ser caseira e é muito comum em bocas de fumo.

“Parece uma metralhadora, mas seria improvável no local. Também é muito semelhante a uma arma caseira feita com canos de PVC e usada com munição calibre 12. Essas armas são muito encontradas pela Polícia nas zonas Leste e Norte”, disse.

Outra fonte da Policia Civil que preferiu não ter o nome divulgado acredita que a arma seja caseira e relatou que a polícia está acompanhando as movimentações na área onde o vídeo foi gravado.   

“Esse Felipe é conhecido como Pistoleiro e o Anderlan é chamado de Ratão. As imagens são ruins, é difícil identificar precisamente se são eles, mas se forem já estão sendo monitorados pela polícia”, concluiu.

Publicidade
Publicidade