CRIME AMBIENTAL

Polícia apreende 10 tartarugas em comércio ilegal de animais no AM

Cada tartaruga seria vendida ilegalmente por R$ 350. Nenhum responsável foi preso

Portal A Crítica
28/08/2019 às 20:29.
Atualizado em 11/03/2022 às 00:52

(Foto: Divulgação)

Dez tartarugas que seriam vendidas no mercado ilegal foram apreendidas, nesta quarta-feira (28), em Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus). Os animais seriam vendidos por R$ 350 cada. A Polícia Civil trabalha na identificação dos responsáveis pelo crime.

A apreensão foi efetuada no bairro São Francisco, onde os quelônios estavam sendo expostos para comercialização. Segundo as investigações, o indivíduo responsável pela captura dos animais mora no estado do Pará. Por trabalhar em uma embarcação, ele costuma visitar Itacoatiara constantemente, levando consigo tartarugas para serem vendidas na cidade por um comparsa.

“Por meio de denúncia anônima chegamos ao local delatado, onde nossa equipe constatou que havia dez tartarugas sendo comercializadas pelo preço de R$ 350. Recolhemos imediatamente os animais e os levamos de volta para o habitat natural deles. Infelizmente, os infratores responsáveis pela captura e venda dos répteis não estavam mais no local”, explicou o delegado Paulo Barros, da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Itacoatiara.

Os animais já foram devolvidos ao habitat natural, pela equipe do DIP de Itacoatiara. Conforme o delegado, um Inquérito Policial (IP) foi instaurado e as investigações irão continuar até que os responsáveis pela caça e comercialização dos animais sejam localizados e indiciados por crimes ambientais.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por