Publicidade
Manaus
OUSADO E PERIGOSO

‘007' da Cidade Nova espanca a ex-companheira e desafia a polícia a capturá-lo

Maxwell Paulo da Silva é procurado por agredir a ex e por mandar "desafios" para policiais nas redes sociais. Ele responde na Justiça pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas, mas em liberdade 30/08/2018 às 16:58
Show 007 123 d95f729e 5252 4c15 ac20 7f4b129860c9
Maxwell Paulo da Silva é tão ousado que manda até mensagens para os investigadores do Amazonas. Foto: Divulgação
Fábio Oliveira Manaus (AM)

Conhecido como "007 do bairro Cidade Nova", o foragido da Justiça Maxwell Paulo da Silva desafiou no Facebook um investigador da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM) a prendê-lo. Na postagem feita na rede social, na terça-feira (28), o homem diz que o policial civil tem que fazer o melhor para capturá-lo. No entanto, o agente afirmou que já o prendeu duas vezes, por crimes da Lei Maria da Penha.

“Já o prendi duas vezes,  agora está sumido, mas a hora dele ainda  vai chegar”, garantiu o policial. A delegada titular, Débora Mafra, também afirmou que Maxwell deve ser preso logo. “Ele é abusado, quero pegar ele, que está em investigação nossa e que logo estará preso”, afirmou. Maxwell é morador do bairro Cidade Nova e na região é conhecido como 007. Em um áudio obtido pela reportagem, ela alega que ninguém consegue encontrá-lo.

“Ninguém vai me pegar, pode botar minha foto no jornal que ninguém vai me pegar. Ninguém tem bola de cristal para saber onde estou e me denunciar, meu apelido no bairro é 007 porque minha vida é essa aí”, diz Maxwell em um áudio obtido pela equipe de investigação da DECCM. O foragido é procurado por espancar a ex-mulher, na Zona Norte. Segundo a delegada, Maxwell não aceita o fim do relacionamento.

Conforme Mafra, em abril deste ano, foi expedido um mandado de prisão em desfavor dele após ser denunciado novamente pela ex-companheira. “Ele é louco por ela, quando descumpriu medida protetiva, ele foi chamado e ouvido, e na sala chorou por ela, dizendo que era louco por ela”, contou a delegada. Em outro áudio, o foragido ameaça a ex caso ela não retire a queixa na delegacia contra ele.

A delegada informou que Maxwell já responde também na Justiça pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas, mas em liberdade. Segundo ela, o homem se intitula também traficante da facção criminosa Família do Norte (FDN). “Ele diz que é traficante da FDN, inclusive já foi preso por tráfico de drogas e também por homicídio, ele matou um próprio amigo dele”, explicou.

Em fuga 

A última aparição do “007” foi na semana passada quando chegou a ser capturado pela Polícia Militar. Em um áudio enviado por ele a algum amigo, o mesmo confirma a prisão e ainda revela que conseguiu fugir de dentro do "camburão".

“Saí fugido agora de tarde, pra piorar a PM me pegou, me jogou na porra de um camburão, mas o trânsito estava parado na bola do São José, que eu ‘taquei’ o pé na porta e saí correndo descalço na rua, saí entre os carros e fui embora”, diz ele.

“Não sei se é verdade sobre essa fuga porque não ouvi falar, ele pode ter falado isso para mostrar que é o cara, mas quero pegar ele, logo será preso”, disse a delegada.

Maxwell segue pelas ruas da cidade e costuma dormir em via pública. “Não posso ir pra casa de ninguém. Estou dormindo em cima de um papelão, estou passando um veneno”, diz ele em outro áudio obtido pela unidade policial.

Quem tiver informações sobre o “007” pode entrar em contato pelo 3642-76761, que a identidade será mantido em total sigilo pelos investigadores.

Publicidade
Publicidade