Sexta-feira, 13 de Dezembro de 2019
Manaus

Abraham Peixoto será o juiz do pleito eleitoral 2012 em Manaus

Abraham Peixoto concentrará tarefas que estavam divididas com três juízes



1.jpg Campos Peixoto Filho, que atuava como juiz auxiliar da presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM)
14/06/2012 às 10:02

O juiz Abraham Campos Peixoto Filho, que atuava como juiz auxiliar da presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), será o juiz do pleito de Manaus em 2012. A decisão foi tomada, na sessão dessa quarta-feira (13), do  Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM).

Os membros da corte aprovaram por unanimidade a resolução 003/2012 que diminuiu o número de juízes que irão comandar o pleito de 2012, e concentrou poder em Abraham.



No ano passado, a determinação do TRE-AM foi de que o pleito seria comandado pelos magistrados que tivessem à frente da 59ª, 58ª e 65ª zonas eleitorais. O responsável pelo julgamento dos registros de candidaturas seria o juiz responsável pela 59ª zona, as prestações de contas ficariam com o juiz da 58ª e o magistrado da 65ª zona sentenciaria os processos que pedissem a cassação do mandato dos eleitos.

Agora, a 65ª zona, onde vai atuar o juiz Abraham Peixoto a partir da próxima quarta-feira, julgará os registros de candidatura, os pedidos de cassação, além da proclamação e diplomação dos eleitos.

Ao juiz da 58ª zona, César Bandieira, caberá o julgamento da prestação de contas de campanha. Bandieira só vai entrar em ação depois do fim da campanha e da votação em 7 de outubro.





Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.