Quinta-feira, 09 de Julho de 2020
CULTURA

Academia Brasileira de Letras envia carta de apoio e solidariedade ao Amazonas

Em sua carta, destinada ao presidente Robério Braga, o presidente da ABL declara confiança no papel da Academia Amazonense de Letras em sua missão cultural



lucchesi1_3DFD85A2-79E6-41F0-BEC4-9E2B0F73B73B.jpg Foto: Divulgação
28/05/2020 às 18:24

Na tarde desta quinta-feira (28), o presidente da Academia Brasileira de Letras, Marco Lucchesi, encaminhou uma carta apresentando seus sentimentos de solidariedade à Academia Amazonense de Letras e ao Estado do Amazonas pelo drástico momento da pandemia que atinge a região.

Em sua carta, Lucchesi lamenta o número de mortos que “não para de crescer e atinge sobremodo as áreas mais vulneráveis”, mencionando ainda o sofrimento de famílias que “nem sempre encontram meios necessários para viver a própria dor e despedir-se conforme as necessidades”.



No documento direcionado ao presidente Robério Braga, o presidente da ABL afirma ter “certeza que a Academia Amazonense de Letras encontrará formas virtuais de solidariedade para mitigar as terríveis consequências da pandemia”. 

Além de manter “as cordas vocais e a missão cultural de sua egrégia Instituição: fortalecendo os laços com a sociedade civil e promovendo os valores éticos, frente aos imensos desafios sociais e sanitários por que passa a população”.

Em resposta, o presidente da Academia Amazonense de Letras encaminhou carta agradecendo a solidariedade prestada e informando que “a Academia mantém, na medida do possível, os seus programas e projetos, sobretudo de relação com a sociedade pelos meios modernos de comunicação social”.

Na oportunidade o presidente Robério Braga apresentou as medidas adotadas pela Casa de Adriano Jorge para continuar ao lado da população, mesmo obedecendo as recomendações de distanciamento social divulgadas pelas autoridades em saúde.

“O costumeiro sarau acadêmico realizado presencialmente aos domingos, ao qual acorria público de todas as idades e regiões da cidade, foi transferido para as redes sociais de quinta-feira aos domingos, com leituras poéticas, contos, música instrumental e canto, procurado manter 'as cordas vocais e a missão cultural' da centenária Academia”.

O Sarau em Casa é realizado a partir de envios espontâneos e gratuitos de vídeos e ao encaminhar o arquivo o interessado declara estar ciente de que autoriza a veiculação de sua imagem nas mídias sociais da Academia Amazonense de Letras, informando os dados de suas próprias redes sociais para divulgação.

*Com informações da Assessoria de Imprensa

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.