Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2020
INTERCEPTADOS

Ação da PM impede ataques entre facções no fim de ano em Manaus, diz secretário

Segundo secretário de Segurança Pública, criminosos pretendiam fazer um derramamento de sangue entre eles



armas_694E4F36-8330-4087-86C8-6B6086EBE89C.JPG Armas apreendidas com grupo criminoso no bairro Alfredo Nascimento. Foto: Divulgação
29/12/2019 às 17:34

Em menos de 24 horas, ações pontuais da Polícia Militar resultaram na apreensão de 24 armas de fogo, na prisão de 20 homens, na apreensão de 1 adolescente de 16 anos e na morte de quatro integrantes de organizações criminosas em confronto com a polícia. De acordo com o secretário de segurança pública Louismar Bonates, os criminosos pretendiam fazer um derramamento de sangue entre eles no final deste ano.

Ainda de acordo com Bonates, o trabalho da polícia foi baseado nas denúncias da população feitas pelo disk-denúncia da Secretaria de Segurança Pública (SSP) 181 e também pelas informações conseguidas pelos órgãos de Inteligência do Estado. “A polícia chegou primeiro e conseguiu desarticular os planos de morte desses criminosos que poderiam se tornar uma grande chacina”, disse Bonates.



Na primeira ação, policiais da Força Tática (FT) apreenderam sete armas, sendo seis pistolas e um revólver. De acordo com o comandante da FT, major Igor Reis na sexta-feira (27), por volta das 22h, uma denúncia anônima informou que havia cera de 20 homens armados de uma facção criminosa que iriam atacar o reduto de uma facção rival no bairro Alfredo Nascimento, na Zona Norte de Manaus.

Os policiais se deslocaram ao local e chegando lá foram recebidos a tiros. Os policiais reagiram à agressão e na troca de tiros quatro suspeitos morreram. No local os policiais apreenderam sete armas de fogo. Os demais criminosos conseguiram fugir.

Ainda na sexta-feira, por volta das 17h, policiais do Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) acabaram com a festa de um grupo de traficantes que acontecia em uma casa na rua dos Jasmins, conjunto Tiradentes, Zona Leste. A festa estava sendo patrocinada pelo traficante de drogas Heliuton Cabral do Carmo, o “Velinho do Ouro Verde”, 31, considerado o atual número 1 da facção criminosa Família do Norte (FDN), e foi preso no local.

Conforme investigações da polícia, Velinho ocupou a posição no lugar de Alan Barbosa Rolim, vulgo “Zaqueu”, preso preventivamente no dia 19 deste mês pela Polícia Federal em Salvador (BA). Zaqueu é apontado como o principal mentor dos massacres ocorridos em presídios de Manaus em maio deste ano, resultando na morte de 55 detentos.

Velinho do Ouro Verde ganhou liberdade por meio de alvará. Segundo informações obtidas com autoridades policiais, a missão dele é tomar de volta os territórios que antes pertenciam a FDN e que foram tomados pelo Comando Vermelho (CV). Além dele foram presos na festa Keven Dias Aguiar, 22, Emerson do Nascimento Ribeiro, 27, Rodinei Correa da Silva, 28 e Jhonismar Jesus Silva, 25.

Por volta das 10h de sábado (28), denúncias via WhatsApp levaram os policiais da Rocam até a rua do Comércio, Japiim, na Zona Sul. No local, em duas casas, os policiais prenderam em flagrante  Gabriel Silva de Oliveira, 25, Mateus Eduardo Pinto da Costa, 22, Gabriel de Souza Laborda, 22, e apreendeu um adolescente de 16 anos e o pai dele.

A denúncia era que o grupo estava armado aterrorizando a população. Com o bando foram apreendidas sete armas de fogo, máscaras, drogas, munições e coletes à prova de bala.

Por volta das 17h de sábado (28), na rua Muratinga, bairro Monte das Oliveiras, Zona Norte, os policiais da Rocam prenderam em flagrante João dos Santos Braga que estava armado com uma pistola PT.40 municiada com 11 balas.

Por volta das 23h de sábado (28), policiais da Força Tática prenderam em flagrante Hailson Souza Monteiro, 22. A prisão ocorreu no beco da Paz, bairro Nova Esperança, na Zona Oeste. Com ele foi apreendido uma pistola e drogas.

Denúncias feitas à Força Tática, via linha direta, resultou na prisão de Thiago Caxias Cavalcante, 22, Maycon Ruy Gomes, 24, Hoelito, 22, Natividade de Lima, 22, e de Adriely Natividade de Lima, 24. As prisões aconteceram por volta das 16h, na rua 3, Colônia Terra Nova, Zona Norte.

De acordo com a denúncia, na casa do referido endereço, havia chegado um carregamento de armas para um grupo de criminosos. Segundo policiais, o local era vigiado por um homem que ao ver a polícia tentou fugir, mas foi alcançado pelos policiais. No local foram apreendidos quatro pistolas, três revólveres e uma espingarda de fabricação caseira, além de munições de calibres diversos. Ao todo, quatro suspeitos foram presos nesta ocorrência por porte ilegal de armas.

Sistema penitenciário

Os órgãos de segurança também estão com a atenção dobrada para as unidades prisionais para evitar possíveis rebeliões. Nos últimos meses foram tomadas medidas como o isolamento das principais lideranças e revistas nas unidades prisionais duas vezes por semana.

De acordo com a Secretária de Administração Penitenciária (Seap), o objetivo é evitar novos massacres dentro das unidades prisionais da capital, como ocorreram em janeiro de 2017, quando 64 pessoas foram mortas, e em maio de 2019 com 55 assassinatos.

A informação da secretaria é que durante este ano a fiscalização na entrada dos presídios foram rigorosas com uso de equipamentos eletrônicos, o que impediu a entrada de materiais ilícitos em presídios como droga e principalmente de telefone celular.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Seap, em 2018 foram apreendidos 1.185 telefones celulares e neste ano 404. A direção acredita que os presos estão impedidos de se comunicar com o mundo fora das muralhas. Até mesmo os comunicados conhecidos como “salves” estão sendo barrados.

O golpe mais duro para as facções criminosas que atuam na cidade é a prisão dos principais líderes. As prisões aconteceram aqui e em outros estados para onde muitos fugiram da Justiça, acreditando que continuariam livres e comandando o crime.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.