Domingo, 21 de Julho de 2019
Proteja-se

Acumulado das chuvas deste mês em Manaus está acima da média para o período

Até o dia 22 deste mês o acumulado mensal estava em 311,5 milímetros, bem acima do normal que é entre 179mm a 259mm



chuva2.JPG Volume de chuvas em dezembro está bem acima da média esperada / Foto: Antonio Lima
23/12/2016 às 06:00

De 1º de dezembro até o dia 22 o acumulado mensal de chuvas para este mês estava em 311,5 milímetros, bem acima da média para o período em Manaus, segundo informações do 1° Distrito de Meteorologia para o Amazonas, Acre e Roraima (Inmet AM/AC/RR).

Para o mês, o volume de chuva considerado normal pelos meteorologistas é entre 179 e 259 milímetros. “Como o limite superior já foi ultrapassado, e ainda temos mais 9 dias para o término do mês, podemos afirmar que as chuvas ficarão com volumes acima da média”, comentou o meteorologista Gustavo Ribeiro, do Inmet Am/AC/RR. Em Manaus, as chuvas consideradas normais, respectivamente ficam entre setembro (43 e 83mm (este ano choveu 111,7mm, sendo classificado como acima da média)), outubro (75 e 134mm (este ano choveu 152,2mm sendo classificado como ligeiramente acima da média)), novembro (124 e 207mm), dezembro (179 e 259mm) e janeiro (235 e 313mm).

Para se ter ideia da dimensão do acumulado de chuvas de dezembro até agora, de 1º ao dia 16 choveu 159,5mm, o que, até aquele período, era considerado ligeiramente acima da média.

Anteriormente, o prognóstico climático para o trimestre novembro/dezembro/janeiro indicava chuvas e temperaturas dentro da média para o período.
 
CPRM

Segundo o último Boletim de Monitoramento Hidrológico divulgado pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) no dia 16 deste mês, de número 47, dados apurados junto ao Center for Ocean Land Atmosphere Studies (Cola) mostravam que o prognóstico de precipitação, para o período de 14 a 22 de dezembro, sugeria que intensos volumes de precipitação poderiam ocorrer sobre grande parte da Amazônia Legal, como também nos Estados do Maranhão, Mato Grosso e Tocantins.

“Tais acumulados podem ser favorecidos pela penetração de sistemas frontais no Sul e no Sudeste brasileiro, organizando a convecção na Amazônia, e também pela maior proximidade da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT). Para o período de 22 a 30 de dezembro de 2016, o modelo permanece indicando grandes volumes de precipitação para toda Amazônia, com exceção apenas do Estado do Amapá. Também são esperados grandes volumes de chuva para os países vizinhos, tais como: Bolívia, Peru, Colômbia e Venezuela”, informa texto do boletim do CPRM.
 
Vésperas de Natal e ano

Em Manaus, a previsão do 1° Distrito de Meteorologia para o Amazonas, Acre e Roraima para o dia 24, véspera de Natal, é de tempo instável de céu variando de parcialmente nublado com período de nublado com chuva em áreas isoladas. A temperatura mínima deve ficar entre os 23 e 25°C e a máxima entre os 30 e 32°C. Com ventos de calmos e fracos de direção nordeste. O Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais/ (CPTEC/Inpe) indica que a possibilidade de chuva é de 90% para este dia.

Para a noite de 31, véspera de ano novo, a mínima deve ficar entre 24 graus e a máxima em 29ºC, com alguns aguaceiros e trovoadas e probabilidade de chuvas em 73%, informa o CPTEC/Inpe.

Balanços da Defesa Civil local

O último balanço  das fortes chuvas ocorridas entre anteontem e ontem divulgado pela  Defesa Civil do Município, até o fechamento desta edição, registrava um total de seis ocorrências. O horário compreendido era entre às 18h de quarta-feira, 21, até às 8h20 de quinta, 22. De acordo com o órgão, os pluviômetros registraram, até aquele momento, uma média de 22,2 milímetros de chuva na região urbana da cidade.

O balanço mostrava  o desabamento de um muro sobre casa na avenida Israel, 74, Jesus Me Deu, e na rua Leão de Judá, 400, Jesus Me Deu; uma alagação na rua Jasmim do Cabo, 134, Parque Riachuelo 2; o desabamento de um muro  na rua Comandante Theóphilo dos Santos, 320 - Bairro da Paz e; os deslizamentos de barrancos na rua Afonso Pena, 652, Praça 14 de Janeiro, e rua 22/25 do Alfredo Nascimento.

Até a tarde da última quarta, a Defesa Civil do Município atendeu 18 ocorrências após a forte chuva registradas pelo telefone 199. Entre as mais graves estava o desabamento de uma casa de madeira na rua Luiz Antony, no Centro.

Situação das calhas dos rios

O Boletim de Monitoramento Hidrológico divulgado pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) no último dia 16 mostrou as condições das calhas dos rios amazônicos neste período de cheia.
No último dia 16, uma sexta-feira, o boletim exibia que, no Porto de Manaus, o rio Negro seguiu três dias parado na cota de 17,20m e subiu 1cm. Ontem, o nível era de 17m60, com o rio enchendo 18 centímetros, bem diferente dos 13 primeiros dias quando era acentuada, e anormal, a vazante. Na bacia do Negro, as estações monitoradas comprovam processo de vazante regular.

Na bacia do Purus, os  rios Acre e Purus estão em processo de enchente, com cotas abaixo das médias para o período. Na bacia do Branco, há processo de vazante apresentando níveis próximos aos mínimos históricos para época.

Na do Solimões, os  níveis seguem subindo nas estações de Tabatinga e Fonte Boa. No baixo curso, em Manacapuru, o comportamento do Solimões já indica o fim na da vazante nesse trecho, bem como a bacia do Amazonas.

Em Parintins o Rio Amazonas encontra-se em subida.  Na Bacia do Madeira, em Humaitá, o rio Madeira segue em processo de enchente com cotas abaixo das médias para época. 
Os níveis d’água podem eventualmente ser alterados em função de verificações “in loco” realizadas pelos técnicos em hidrologia que operam a rede hidrometeorológica. Nessas ocasiões, são executados trabalhos de manutenção das estações, bem como o nivelamento das réguas.

Em números

311,5

É o número de milímetros acumulado até agora em face das fortes chuvas dos últimos dias (entre 1º e 22 de dezembro), estando acima da média para o período, que é entre 179mm e 259mm. A previsão é que a véspera de Natal (24) e de Ano Novo (31) tenha possibilidade de chuvas de 90% e 73%, respectivamente.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.