Publicidade
Manaus
Manaus

Adolescente de 15 anos morre com suspeita de dengue hemorrágica em Manaus

De acordo com a família, na sexta-feira (15), o adolescente apresentou sintomas como febre, dor nas articulações e sangramentos e foi levado a unidade de saúde na Zona Leste de Manaus  17/05/2015 às 17:31
Show 1
A causa da morte do jovem será investigada
KELLY MELO ---

Um adolescente de 15 anos morreu na madrugada deste domingo (17), no Hospital e Pronto-Socorro Dr. Platão Araújo, situado na Zona Norte da capital, após sofrer uma crise hemorrágica. A suspeita é de que o jovem tenha morrido de dengue hemorrágica ou leptospirose.

Na última quarta-feira (13), Orlando da Silva Júnior, morador do bairro Jorge Teixeira 4, teve sua casa alagada após a forte chuva que atingiu a cidade. Após fazer a limpeza da residência, o menor começou a sentir dores pelo corpo.

De acordo com a família, na sexta-feira (15), o adolescente apresentou sintomas como febre, dor nas articulações e sangramentos e foi levado a unidade de saúde, onde foi avaliado e liberado em seguida.

Após a piora do jovem, a família retornou ao local no sábado (16), após uma crise hemorrágica do menor que não resistiu e morreu por volta das 0h. O médico que fez o segundo atendimento informou aos familiares que a possível causa da morte do menor seria duas: dengue hemorrágica ou leptospirose.

A família acusa o hospital e o médico que fez a primeira avaliação por negligência no atendimento. Ainda segundo a família o hospital se recusou a fazer um laudo sobre a causa da
morte do menor.

Primeiro caso

Segundo o presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Dr. Bernardino Albuquerque, até o momento não há registros de mortes por dengue grave (hemorrágica) no Estado.

Ainda segundo o presidente, em situações como essa, a confirmação pode ser feita através de um exame de sorologia. Ele afirmou ainda que a fundação não foi acionada, mas que vai investigar o caso do jovem nesta segunda-feira (18).

Doenças apresentam sintomas parecidos

A dengue hemorrágica e a leptospirose apresentam sintomas bem parecidos o que pode confundir na hora do diagnóstico. A pessoa infectada com dengue sofre alterações na coagulação sanguínea, assim como a leptospirose, que é uma doença causada por uma bactéria chamada Leptospira presente na urina de ratos.

As doenças apresentam sintomas como febre alta que começa de repente, mal-estar, dor muscular, de cabeça e no tórax, olhos vermelhos, tosse, cansaço, calafrios, náuseas, diarreia e hemorragias. 

Secretaria vai investigar o caso

Procurada, a assessoria de comunicação da Secretaria Estadual de Saúde (Susam), garantiu que o caso será investigado assim como a denúncia de negligência.

Leia a nota na íntegra:

A Secretaria Estadual de Saúde informa que ainda não se pode confirmar a causa da morte do adolescente mencionado pela reportagem. O caso está sob investigação da Vigilância Epidemiológica, uma vez que a Síndrome de Febre Hemorrágica tem várias causas, inclusive causas não infecciosas. Em relação ao atendimento prestado ao paciente no Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo, a direção da unidade adotará os procedimentos cabíveis para apurar se houve alguma falha.


Publicidade
Publicidade