Publicidade
Manaus
Manaus

Adolescente morre asfixiado enquanto fugia da polícia

Ao avistar a viatura, Kaik saiu correndo, mas escorregou e bateu a cabeça na calçada. O laudo do IML apontou morte por asfixia causada pelo vômito 13/09/2013 às 12:20
Show 1
O corpo do adolescente foi levado para o IML
Bruna Souza Manaus, AM

O adolescente Kaik Machado de Oliveira, 15, morreu depois de bater a cabeça e ter uma convulsão durante uma perseguição policial na rua Canoa Quebrada, bairro Parque Riachuelo, Zona Oeste de Manaus, na noite de quinta-feira (12). O jovem teria roubado um celular e tentou fugir da polícia ao ver a viatura. O laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou morte por asfixia causada pelo vômito.

Os policiais militares da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) receberam uma denuncia de roubos sendo praticados por um adolescente na área. Ao avistar a viatura, Kaik saiu correndo, mas escorregou e bateu a cabeça na calçada. Segundo populares, o jovem passou mal e começou a vomitar, até perder os sentidos.

Familiares do jovem que estiveram no local disseram acusaram os policiais de negligência e de terem agredido a vítima. De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil, o laudo do IML apontou morte por asfixia e o corpo não possui marcas de agressão. O caso foi registrado no 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e o corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML).

Publicidade
Publicidade