Publicidade
Manaus
Manaus

Adolescente morre espancado no Gilberto Mestrinho e mãe acusa PMs por agressão

O estudante de 16 anos teve várias costelas quebradas e hematomas pelo corpo. Em queixa à DEHS, a família acusa quatro policiais militares da Rocam que estavam de serviço no turno da noite de ontem 23/01/2015 às 14:59
Show 1
Imagem de arquivo familiar do estudante Patrick dos Santos Souza
Fábio Oliveira Manaus (AM)

O estudante Patrick dos Santos Souza, 16, foi espancado até a morte, na noite de quinta-feira (22), na rua Roma, bairro Gilberto Mestrinho, Zona Leste de Manaus, segundo familiares. No Instituto Médico Legal (IML) consta como causa mortis agressão física. Já o boletim de ocorrência registrado no 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP) informa que a caixa torácica do garoto estava quebrada, conforme foi relatado pelos médicos que fizeram o atendimento dele no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, na Zona Leste.

A família da vítima suspeita que a agressão possa ter vindo de quatro policiais militares da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) que estavam de serviço no turno da noite de ontem,

De acordo com o tio, Tiago dos Santos, 37, o sobrinho estava conversando com mais quatro amigos na rua quando foram abordados pelos policiais durante patrulhamento de rotina.


Ele relatou que o sobrinho foi levado pelos policiais até uma construção abandonada e lá espancado até ficar desmaiado. "Eles trouxeram o Patrick até o meio da rua e chamaram a mãe dele, dizendo que ele estaria tendo um ataque epilético", afirmou.

Porém, segundo o tio, várias costelas dele estavam quebradas e hematomas de agressão eram visíveis no corpo da vítima. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

De acordo o adjunto da unidade especializada, delegado Rafael Campos, a mãe Rosimar dos Santos, 39, será ouvida e uma investigação será iniciada. "Não posso afirmar que foram policiais porque a investigação iniciou agora, mas já vamos ouvir testemunhas", finalizou o delegado.

Publicidade
Publicidade