Publicidade
Manaus
Manaus

Alfândega do Porto de Manaus arrecada R$ 75 milhões em junho

Desse total, R$ 42,98 milhões foi em Imposto de Importação, R$ 4,09 milhões em Imposto sobre Produtos Industrializados, R$ 19,84 milhões em COFINS e R$ 4,16 milhões em PIS/PASEP 16/07/2013 às 13:16
Show 1
Alfândega do Porto de Manaus arrecada R$ 75 milhões no mês de junho
acritica.com Manaus

A arrecadação da Receita Federal no Porto de Manaus alcançou o montante de R$ 75 milhões no mês de junho. Esse valor, quando comparado ao arrecadado com o mesmo período do ano passado, sofreu uma queda de 16,02%, período em que a unidade arrecadou R$ 89,37 milhões.

Desse total, R$ 42,98 milhões foi em Imposto de Importação, R$ 4,09 milhões em Imposto sobre Produtos Industrializados, R$ 19,84 milhões em COFINS e R$ 4,16 milhões em PIS/PASEP.

De acordo com o inspetor Osmar Félix, a queda da arrecadação ainda é reflexo das desonerações fiscais promovidas pelo Governo federal e também da desaceleração da atividade econômica que ocorre em todo o país.

“Mas a Receita Federal acredita que no próximo mês o resultado da arrecadação seja mais positivo”.

Já no acumulado do ano, ou seja, de janeiro a junho, a arrecadação da Alfândega do Porto de Manaus atingiu o total de R$ 487,8 milhões, valor 6,23% abaixo do arrecadado no mesmo período de 2012, que foi de R$ 520,18 milhões. Com expressiva participação no comércio exterior, o Imposto de Importação ganha destaque nesse resultado, pois acumulou, no mesmo período, o valor de R$ 233,49 milhões, montante que representa 81,33% do valor arrecadado em toda 2ª Região Fiscal, composta por todos os estados do Norte, exceto o Tocantins.

Em multas, ainda em junho, a fiscalização arrecadou R$ 735,53 mil. Já o montante total arrecadado dessa penalidade, até junho, atingiu o valor de R$ 4,2 milhões, contra R$ 6 milhões em 2012.

Ainda, durante os seis primeiros meses deste ano, a fiscalização da Alfândega do Porto de Manaus, nos recintos alfandegados, já desembaraçou 43.620 declarações de importação e 3.169 declarações de trânsito aduaneiro.

O inspetor afirma, ainda, que a fiscalização aduaneira em Manaus busca desempenhar suas funções da forma mais eficiente possível, em contato direto com os contribuintes e prezando, sempre, pela transparência nas ações do órgão federal. “Nossa meta é atingir um nível de satisfação elevado do contribuinte em relação aos serviços prestados por esta Alfândega. Estamos abertos para o diálogo e sempre dispostos a encontrar caminhos que facilitem os procedimentos aduaneiros”, finalizou.

 

Publicidade
Publicidade