Domingo, 21 de Julho de 2019
EVENTO

Alunos do Amazonas participam de desafio do Google Brasil

Sessenta estudantes do CETI Sérgio Alfredo Pessoa Figueiredo tiveram três dias para criar um aplicativo para celular que pudesse facilitar a vida dos cidadãos manauaras



google_E6DE95CD-4880-4922-80E2-1811BC690F5B.JPG Foto: Márcio Silva
15/06/2019 às 10:40

Para despertar o empreendedorismo e a inovação em alunos do Ensino Médio, a empresa Ideias de Futuro em parceria com o Google Brasil realizou de quarta-feira até ontem, no Centro Educacional de Tempo Integral (CETI) - Sérgio Alfredo Pessoa Figueiredo, a etapa regional do “Startup in School Ed. Google Brasil 2019 (SiS)”. O evento, que foi realizado pela primeira vez na capital amazonense, é um curso intensivo sobre inovação e tecnologia em formato de competição.

Participaram do evento 60 alunos do CETI Sérgio Alfredo Pessoa Figueiredo, localizado no bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus. Os estudantes foram divididos em dez equipes e tiveram como desafio criar, em três dias, um aplicativo para celular que pudesse melhorar o dia a dia das pessoas na cidade.

“No primeiro dia os alunos tiveram aulas teóricas. No segundo, eles elaboraram o projeto e, no último dia, eles apresentaram o resultado. É uma alegria ver o alunos dessa parte da cidade tendo uma oportunidade de despertar as competências empreendedoras e de tecnologia”, disse a gestora da escola, Amarilis Barros.

Segundo o coordenador de projetos do CETI, Erison Soares, a escola foi escolhida para sediar o evento porque já vem, há muitos anos, trabalhando a iniciação científica com os alunos. “Já temos esse perfil de elaborar projetos nas mais diversas disciplinas”, disse.

Um dos projetos desenvolvidos pelos alunos foi um aplicativo chamado “GovPop”, que reúne em um só lugar os contatos dos principais órgãos ambientais, concessionárias de água e luz, bem como orienta o usuário onde encontrar serviços de coleta seletiva de lixo. “Em um clique o morador poderá entrar em contato com órgãos públicos para denunciar lixeiras viciadas, queimadas, falta d’água e saber os pontos onde é feita coleta de lixo seletiva em Manaus”, explicou a estudante Ana Luísa, da “Equipe 04”, que teve a ideia a partir de discussões com os colegas David Mato, Maria Júlia, Samuel Nicácio, Rayan Costa e Estefany Santiago.

Cansados de enfrentar, diariamente, dificuldades para chegar na escola, um outro grupo de alunos desenvolveu o “Left (locomoção escolar facilitada por transporte)”, um aplicativo que conecta os estudantes aos motoristas dos ônibus alternativos (os amarelinhos). “Nem todos os alternativos passam próximos à escola – e há poucos ônibus de linha disponíveis nessa área. O aplicativo, na prática, permitiria que um aluno cadastrado pudesse solicitar aos motoristas dos alternativos uma rota em direção à escola, já que eles alegam que não fazem o percurso por falta de passageiros”, explanou a aluna Thaís Barbosa, da “Equipe 05”, que trabalhou no projeto com os colegas Euller Santos, Millena Marques, Valciene França e Dumas Oliveira.

O resultado da etapa regional, divulgado na noite de ontem, elegeu como campeão o aplicativo “Animalife”, que propõe mapear animais abandonados em Manaus e resgatá-los. “A ideia para o aplicativo surgiu após uma integrante da nossa equipe presenciar o atropelamento de um cachorro. Com o ‘Animalife’, esperamos conseguir reduzir os índices de abandono”, afirmou Paula Rebeca, 16, membro da equipe campeã composta também por Luan da Costa, 15; Ana Caroline, 16; Nathaly Victória, 15; Rodrigo Santiago, 15; e Taceara Regina, 15.

O grupo vencedor irá competir com os demais ganhadores das escolas de São Paulo, Porto Alegre, Recife e Brasília (DF) em uma grande final marcada para acontecer na capital paulista, no segundo semestre desse ano, no Campus do Google for Startups.

Para o sócio diretor da empresa Ideias do Futuro, Oswaldo Cruz, a expansão do projeto da Google para outras regiões do Brasil é uma ideia antiga que finalmente saiu do papel. “Esse ciclo do “Startup in School Ed. Google Brasil 2019 (SiS)” em Manaus foi a primeira grande realização fora de São Paulo e superou as nossas expectativas”, disse Cruz.

Empreendedorismo

O Startup in School é apoiado pelo Google desde 2015 nas escolas técnicas do estado de São Paulo. Nesses quatro anos, já participaram cerca de 2 mil alunos e professores, 300 voluntários e 25 escolas. Os campeões nacionais recebem  três meses de mentoria.

Receba Novidades

* campo obrigatório
News guilherme 1674 2977771b 6b49 41af 859a ef3c3b62eae8
Repórter do caderno de Cidades - Jornal A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.