Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
ECONOMIA

AM e mais 4 estados do Norte lideram ranking de cheque sem fundos no Brasil

No Amazonas, que ocupa a quarta posição do ranking da Serasa Experian, 331.2 mil cheques foram preenchidos em 2017. Do total, 21.9 mil (7,12%) foram devolvidos por insuficiência de fundos



chque.jpg Foto: Reprodução/Internet
31/01/2018 às 07:04

Cinco dos seis estados brasileiros que mais tiveram cheques devolvidos por falta de fundos em 2017 são da região Norte. A informação foi divulgada nessa terça-feira (30) em um levantamento baseado no Indicador Serasa Experian de Cheques Sem Fundos.

De acordo com o estudo, 7,12% dos cheques emitidos no Amazonas em 2017 estavam sem fundos. O número faz o Estado ocupar a quarta posição no ranking nacional. Na liderança está o Amapá com 15,42% de cheques devolvidos, seguido por Roraima (12,50%) e Maranhão (8,18%). Em quinto aparece o Acre (6,86%) e, na sequência, o Pará (5,84%).

No Amazonas, 331.2 mil cheques foram preenchidos no ano passado. Desse total, 21.9 mil foram devolvidos por insuficiência de fundos. Em comparação com 2016, o número de cheques utilizados no Amazonas diminuiu 30,5%. Em 2017, 30.6 mil (6,41%) dos 476.7 mil cheques preenchidos não foram cobertos.

Menos inadimplente do Norte

Segundo a Serasa Experian, Rondônia (com 1,62%) foi o único estado da região Norte que ficou abaixo da média nacional de devolução de cheques (2%) em 2017. No ranking, Rondônia ocupa a 24ª posição.

Rio de Janeiro (1,93%), Minas Gerais (1,82%), Rio Grande do Sul (1,77%), Paraná (1,60%), Santa Catarina (1,60%) e São Paulo (1,59%) são os outros estados que também ficaram abaixo da média nacional. Os paulistas são os menos inadimplentes do país.

Ainda se tratando de Norte, Tocantins foi o segundo estado da região que menos emitiu cheque sem fundos no ano passado, o que lhe garantiu a 10ª colocação com 4,31% do total de cheques que foram devolvidos.

Nordeste 'campeão' de inadimplência

Quando o assunto é região, o Nordeste (3,92%), seguido pelo Norte (3,77%), liderou a emissão de cheques sem fundos em 2017. No Centro-Oeste, 2,52% dos cheques ano passado foram devolvidos. Na região Sudeste, 1,70% dos cheques não foram cobertos. O Sul (1,65%) é a região menos inadimplente do país.

O levantamento mensal da Serasa Experian é referente à quantidade de cheques devolvidos por insuficiência de fundos em relação ao total de cheques compensados. Para efeito do cômputo do indicador, somente é considerada a segunda devolução por insuficiência de fundos.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.