Publicidade
Manaus
Manaus

'Amanhecidos da virada' chamam a atenção de quem foi curtir o 1º dia do ano na Ponta Negra

Teve de tudo para quem decidiu ficar no local até amanhecer: barracas, redes, bancos, gramados e até areia serviu de espaço para dormir 01/01/2016 às 17:32
Show 1
Muitos manauaras decidiram amanhecer o primeiro dia de 2016 na praia
Isabelle Valois Manaus (AM)

Além do lixo por todo canto da praia da Ponta Negra, Zona Oeste, também foi “invadida” por pessoas que escolheram barracas, redes, bancos, gramados e até um pedaço de areia para dormir e amanhecer o dia 1º de janeiro de 2016 na praia. Uma delas foi o autônomo José Carlos da Cruz, 21.

Ele e seis amigos decidiram, de última hora, passar o Réveillon na praia da Ponta Negra. Como queriam aproveitar o feriado do dia 1 para tomar banho no rio Negro, eles decidiram acampar na praia. Levaram barraca, além de muita muita comida e bebida.

E eles não estavam sozinhos. Pelo menos outras seis barracas foram armadas na praia. “Trouxemos a barraca para evitar de ficar jogado no meio da areia, como sempre acontece. Quando alguém cansa, entra na barraca e dorme”, explicou.

Mas nem todo mundo foi precavido. Muita gente amanheceu nas areias da praia, em meio ao lixo e aos olhares de curiosos e fotógrafos. O ourives Edvaldo Gonçalves, 47, e a esposa Elaine Ferreira, 48, que há 9 anos, no primeiro dia do ano, vão bem cedinho à Ponta Negra para dar um mergulho para “abençoar” o novo ano, sabem bem o que é isso.

“Este ano teve até pouca gente ‘amanhecida’ na praia, comparado com outros anos”, disse Edvaldo.

Publicidade
Publicidade