Domingo, 23 de Fevereiro de 2020
Manaus

Ambulatório para tratamento de fumantes inicia atividades no Novo Israel, Zona Norte

Atendimento especializado, realizado em Unidades Básicas de Sapude (UBSs) ajuda pessoas que desejam acabar com o vício do tabaco. Médico, psicólogo, fisioterapeuta, enfermeiro, nutricionista, odontólogo e assistente social estão entre os profissionais destacados para a ação



1.jpg Segundo a OMS, existem mais de 60 mil pesquisas publicadas comprovando a relação direta entre o uso do cigarro e doenças graves, sendo a mais comum o câncer de pulmão
25/02/2015 às 18:03

Moradores do bairro Novo Israel, na Zona Norte de Manaus, podem contar a partir de agora com atendimento especializado para o tratamento de quem deseja parar de fumar. O serviço começou a ser oferecido na Unidade Básica de Saúde (UBS) Frei Valério Di Carlo, localizada na rua Bom Jesus, bairro Novo Israel. A primeira turma a receber orientação e acompanhamento na unidade contou com oito pacientes e foi acolhida na última terça-feira (24).

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) disponibiliza atendimento multidisciplinar nos Ambulatórios para Tratamento de Fumantes localizados em 21 Unidades Básicas de Saúde (UBS) espalhadas pela capital. O acompanhamento é destinado às pessoas que querem abandonar a prática com o auxílio clínico. Em 2015, a previsão é que outras 15 UBSs recebam estrutura para o serviço.



Os ambulatórios oferecem tratamento e acompanhamento multiprofissional com médico, psicólogo, fisioterapeuta, enfermeiro, nutricionista, odontólogo e assistente social, entre outros profissionais. “O tratamento é realizado em grupo, por meio da terapia cognitivo-comportamental. Dependendo do quadro clínico, o paciente recebe, inclusive, medicação de suporte”, informou o secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão Neto.

Atualmente, todas as zonas da cidade contam com o serviço, sendo seis ambulatórios na zona Norte; dois ambulatórios na zona Sul; quatro ambulatórios na zona Leste; seis ambulatórios na zona Oeste; e três ambulatórios na zona Rural. Outros dois ambulatórios estão instalados no Centro de Internação Provisória Dagmar Feitosa e no Centro de Reabilitação em Dependência Química Ismael Abdel Aziz para atender a demanda interna das duas instituições.

Cada UBS tem uma programação específica para o desenvolvimento das atividades e os interessados no tratamento devem procurar a unidade mais próxima para fazer a inscrição. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 280 8280.

Prejuízos à saúde

O fumo causa muitos prejuízos à saúde e, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), existem mais de 60 mil pesquisas publicadas comprovando a relação direta entre o uso do cigarro e doenças graves, como câncer de pulmão (90%), enfisema pulmonar e bronquite crônica (80%), derrame cerebral (40%) e infarto do miocárdio (25%). A cada ano, 80 mil pessoas morrem no Brasil precocemente em decorrência de doenças agravadas pelo tabagismo. As pessoas que fumam a vida toda perdem, em média, 22 anos de vida, segundo cálculos da OMS.

Durante o consumo do cigarro, um fumante introduz no organismo inúmeras substâncias tóxicas, entre elas nicotina, monóxido de carbono, alcatrão, agrotóxicos e substâncias radioativas, todas causadores de diferentes tipos de câncer. A nicotina causa dependência da mesma forma que a cocaína, a heroína e o álcool, sendo considerada também uma droga. Os cientistas relacionam o desenvolvimento de tumores malignos a alterações no DNA, que podem ser provocadas por substâncias tóxicas contidas no cigarro, especialmente em crianças e jovens.

De cada três casos de câncer em geral, um está relacionado ao tabagismo. Os perigos do cigarro começaram a ser descobertos somente a partir da década de 50. Em 1954, o Surgeons General, órgão dos Estados Unidos que trata da regulamentação do cigarro, publicou a primeira pesquisa relacionando o fumo ao câncer de pulmão. Era apenas o começo de uma longa batalha contra a indústria tabagista.


Ambulatórios para Tratamento de Fumantes

Zona Norte

1 – UBS Frei Valério – rua Bom Jesus, s/nº – Novo Israel;

2 – UBS Sálvio Belota – rua das Samambaias, nº 786 – Santa Etelvina;

3 – UBS Armando Mendes – rua 05, S/N, Conj. Manôa;

4 – UBS Dr. Áugias Gadelha – rua A, nº 15 – Cidade Nova I;

5 – Policlínica Dr. José Antônio da Silva – rua Arueiras, nº 55 – Monte das Oliveiras;

6 – Policlínica Anna Barreto – av. Grande Circular, S/N – Monte Sião;


Zona Sul

7 – Policlínica Castelo Branco  - rua do Comércio, s/n, Parque 10;

8 – Policlínica Antônio Reis – rua São Luiz, s/n, São Lázaro;


Zona Leste

9 – Policlínica Ivone Lima dos Santos –  rua 08, s/n Coroado III;

10 – Policlínica Comte Telles – rua J, s/n, Etapa B do bairro São José III;

11 – UBS Dr. Alfredo Campos – rua André Araújo, s/n, Zumbi II;

12- UBS Amazonas Palhano  - rua Antonio Matias, s/n, São José II;


Zona Oeste

13 – Módulo de Saúde da Família Vila da Prata – rua Ademar de Barros, s/n, Vila da Prata;

14 – Policlínica Franco de Sá – rua V, nº 150, no bairro Nova Esperança I;

15 – Policlínica Djalma Batista – rua 23 de Dezembro, s/n, Compensa II;

16 – UBS Deodato de Miranda Leão – rua Presidente Dutra, s/n, Glória;

17 – UBS Dom Milton – rua Tiradentes, s/n, Santo Agostinho;

18 – Centro de Internação Provisória Dagmar Feitosa – rua Vivaldo Lima, no 371 – Alvorada;


Distrito Rural

19 – Posto de Saúde Rural São Pedro, localizado no Km 35 da rodovia AM-010;

20 – Posto de Saúde Rural Pau Rosa, Km 21 da BR 174, ramal do Pau Rosa;

21 – Centro de Reabilitação em Dependência Química Ismael Abdel Aziz – Km 53, Rodovia AM-010.



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.