Publicidade
Manaus
Manaus

Após 10 dias sem água, moradores do bairro Japiim fecham rua ateando fogo em objetos

Cerca de 200 pessoas participam do protesto, ao lado de complexo viário da Zona Sul de Manaus. Moradores da região reclamam de descaso e esquecimento por parte do poder público 05/06/2015 às 21:43
Show 1
Manifestação fechou via que dá acesso ao complexo viário e complicou trânsito no local
Kamyla Gomes Manaus (AM)

Aproximadamente 200 moradores do bairro Japiim, na Zona Sul de Manaus, se reuniram na rua Marginal (às margens do Igarapé do 40) desde 17h desta sexta-feira (5), reivindicando abastecimento de água, que há dez dias foi interrompido na região, afetando os habitantes da área.

A doméstica Rosiene Souza, de 38 anos, presente na manifestação, afirmou que na sua casa não tem água nem para beber. "Há dias estamos nessa situação e não resolvem nada. Ninguém faz nada por nós. Já procuramos os responsáveis, mas não se importaram. Esse é um direito de qualquer ser humano", desabafou.

Duas viaturas do Corpo de Bombeiros e outras três da 3° Companhia Innterativa Comunitária (Cicom) estão no local. Os manifestantes fecharam a rua e atearam fogo em mato, pneus e pedaços de madeira.

Aos gritos de "queremos água", moradores denunciaram, ainda, que há quatro dias uma equipe da Manaus Ambiental chegou a ir até o local, mas desde então não retornaram mais.

“Ligamos várias vezes para o 0800 e o número fixo da empresa, mas ninguém atende. Queríamos reclamar para que as providências fossem tomadas. É muito triste não ter água em casa absolutamente para nada”, relatou uma moradora, que preferiu não se identificar.

Moradores que têm filhos para criar também se mostraram indignados com a falta do serviço de abastecimento de água. Essa situação revoltou o mototaxista Marcelo Silva, que mora na rua Marginal há nove anos.

“Estou com um filho pequeno em casa e uma esposa que ainda está de resguardo. Nós estamos precisando muito. Estamos carregando água de madrugada de outros lugares. Temos que pedir dos outros”, lamentou.

Os moradores relataram também que esta é a primeira vez que falta água no local. Contaram também que se nenhuma providência for tomada, eles tomarão novamente a mesma atitude.

A Manaus Ambiental informou, por meio da sua assessoria de imprensa, que uma equipe técnica foi imediatamente acionada e deslocada até o endereço citado, para vistoriar da situação no bairro Japiim.

Publicidade
Publicidade