Publicidade
Manaus
Manaus

Após chuva, quase 400 pessoas protestam contra nova tarifa de ônibus no Centro de Manaus

Segundo Lucas Pinheiro, presidente da Umes, os manifestantes começaram a chegar em peso a partir das 18h 19/01/2015 às 20:56
Show 1
Lucas informou que as reclamações dos manifestantes foram formalmente recebidas pela Prefeitura
Lucas Jardim Manaus (AM)

Após a chuva que assolou a capital amazonense nesta segunda-feira (19), o protesto contra o aumento da tarifa do transporte coletivo em Manaus aconteceu conforme o previsto pelos organizadores. Segundo a Polícia Militar, o evento reuniu quase 400 pessoas nos arredores do Palácio Rio Branco, localizado no Paço Municipal, bairro Centro, Zona Sul.

Segundo Lucas Pinheiro, presidente da União Municipal dos Estudantes Secundaristas (Umes), os manifestantes começaram a chegar em peso a partir das 18h, minutos após a publicação de nossa primeira matéria sobre o ato.

“As pessoas chegaram para reivindicar em um ato pacífico. Permanecemos na frente do palácio até um representante da Prefeitura sair do prédio e receber formalmente nossas reclamações. Era isso o que queríamos hoje”, explicou Lucas.

O que mais indignou a classe estudantil, maior representada entre os protestantes, foi a surpresa do anúncio do aumento da tarifa, feito pelo prefeito Artur Neto na última sexta-feira (16).

Para Lucas, o fato de a tarifa ter sido elevada sem nenhum tipo de consulta à sociedade civil e aos órgãos legislativos tornou a medida unilateral. “Como você aumenta a passagem sem consultar a Câmara Municipal de Manaus ou a própria população? Não pode ser feito dessa forma”, declarou.

Após o representante da Prefeitura receber as reclamações dos manifestantes, eles e as diretrizes estudantis permaneceram no local para discutir os próximos atos contra o novo preço da passagem de ônibus.

De acordo com o presidente da Umes, outras duas manifestações estão previstas para essa semana. “Nesta terça-feira (20), pretendemos realizar um protesto na frente do prédio do [Sindicato das Empresas de Transporte de Manaus] Sinetram, na avenida Constantino Nery, e nesta sexta-feira (23), pretendemos fazer uma passeata saindo do Largo São Sebastião e indo até o Paço Municipal”. Ambos os eventos estão programados para começar às 16h.

Policiais da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) estiveram no local para acompanhar o desenrolar do protesto, mas informaram que não houve tumulto durante o ato. Eles relataram ainda que duas latas de spray para pichação chegaram a ser apreendidas em poder de manifestantes, mas que elas não chegaram a ser utilizadas.

Publicidade
Publicidade