Publicidade
Manaus
Trânsito

Motoristas têm retorno tranquilo a Manaus após feriado prolongado da Semana da Pátria

Boa parte dos motoristas voltou a Manaus mais cedo, mas ontem esse contingente era de 60% do total 11/09/2016 às 21:02 - Atualizado em 12/09/2016 às 08:59
Show retorno
Retorno do feriado foi marcado pela tranquilidade em locais como a rodovia AM-070 Foto: Clóvis Miranda
Paulo André Nunes Manaus (AM)

Foi tranquilo o retorno dos veículos a Manaus após o feriado prolongado. As informações são do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) e Polícia Militar.

Até o fechamento desta edição o trânsito encontrava-se calmo e sem registros de graves acidentes na capital e nas rodovias, informou a assessoria de comunicação da PM.

Nesta segunda-feira pela manhã o Batalhão de Trânsito do Estado (Batran-AM) repassa ao Detran as informações sobre o número de ocorrências no período da Semana da Pátria e do final de semana dentro da Operação Lei Seca. O balanço oficial por parte do departamento de trânsito deverá ser divulgado ainda nesta segunda-feira, de acordo com a comunicação do órgão.

Mesmo após a Semana da Pátria o órgão ressalta que continua com as operações nas rodovias estaduais AM-070 e AM-010 e fazendo blitze em locais como Autazes. Boa parte dos condutores e seus acompanhantes retornaram mais cedo a Manaus nos últimos dias, mas, de acordo com o Detran, a quantidade de pessoas que voltaria à capital girava em torno de 60% do total.

Semana da Pátria

No geral o feriado foi tranquilo, embora tenham sido registradas muitas irregularidades como motoristas sem habilitação ou com carteira vencida, entre outro. No balanço das ações da Operação Lei divulgado na semana passada, dentro da Semana da Pátria, até o dia 8, 446 motoristas foram autuados, 17 deles por dirigirem embriagados, e outros 32 com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencida. Os agentes também flagraram pessoas não habilitadas dirigindo, entre elas, três menores de idade.

Foram apreendidos, no total, 72 veículos, sendo 27 carros e 45 motocicletas, e 79 Certificados de Registro de Licenciamento Veicular (CRLV), a maioria por licenciamento em atraso.

Equipamentos de segurança - Além das atuações por embriaguez, CNH vencida, licenciamento em atraso, foram feitas outras por falta de equipamentos de segurança, principalmente motociclistas sem capacete, veículo com as características alteradas e lacre violado.

Endurecimento com Lei Seca surtiu efeito, diz ministério

O endurecimento   da Lei Seca, no ano de 2012, está surtindo efeito entre os motoristas da capital. Segundo a mais recente pesquisa do Ministério da Saúde, divulgada em junho deste ano, o percentual de adultos que admitem beber e dirigir em Manaus teve queda de 18%. No ano passado, 4,1% da população da cidade declararam que dirigiam após o consumo de qualquer quantidade de álcool, contra 5% no ano de 2012. Os homens (7,1%) continuam assumindo mais a infração do que as mulheres (0,7%) da capital amazonense.

Publicidade
Publicidade