Publicidade
Manaus
AMAZONAS

Após terceira morte confirmada, Susam faz 'Dia D' de imunização contra o sarampo

Incluindo os postos da capital e os 61 municípios do Estado, a Susam informa que distribuiu 560.978 doses de vacinas contra poliomielite e sarampo 18/08/2018 às 12:13 - Atualizado em 18/08/2018 às 12:46
Show crian a agora 551e239b 758d 47ef ac80 fa8195c99a56
Em Manaus, além dos postos de saúde do município, a Susam colocou em funcionamento 12 Centros de Atenção Integral à Criança (Caics) (Foto: Divulgação/Susam)
Nelson Brilhante Manaus (AM)

Depois de confirmada a terceira morte causada por sarampo no Amazonas, a Secretaria de Estado de Saúde (Susam) abriu neste sábado (18) o Dia D de imunização contra o sarampo e a poliomielite, ação repetida em todo o País. Incluindo os postos da capital e os 61 municípios do Estado, a Susam informa que distribuiu 560.978 doses de vacinas contra poliomielite e sarampo.

Em Manaus, além dos postos de saúde do município, a Susam colocou em funcionamento 12 Centros de Atenção Integral à Criança (Caics), da  rede estadual de saúde. A abertura da campanha foi em Manacapuru (a 84 quilômetros de Manaus), pelo diretor presidente da Fundação de Vigilância Sanitária (FVS), Bernardino Albuquerque, na UBS Sebastiana de Melo.

Ele disse que todos os esforços estão sendo feitos para garantir o que os especialistas chamam de imunidade de rebanho, ou seja, que a maioria das pessoas esteja vacinada. “Temos vacina suficiente, haverá mobilização nas sedes e na zona rural dos municípios”, garante o diretor.

Segundo ele, as crianças menores de cinco anos são as mais vulneráveis ao sarampo. “O efeito da vacina não é imediato, então, quanto mais rápido a pessoa for imunizada, maiores as chances de não contrair sarampo, por exemplo. Por isso, faço um chamamento aos pais e responsáveis, que levem as crianças aos postos de vacinação”, reiterou.

Punição

A vacinação das crianças, é obrigatória. Os pais ou responsáveis podem pagar multa e até perderem a guarda dos filhos, além de serem responsabilizados por negligência, caso a criança venha a ser vitimada pela doença para a qual não tiver sido imunizada. A obrigatoriedade da vacinação de rotina está prevista nos artigos 14 (parágrafo 1º) e 249, do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Confira os locais de vacinação disponibilizados pelo Governo: 

ZONA SUL

CAIC JOSEPHINA DE MELLO

 Rua Felismino Soares nº. 213 Colônia Oliveira Machado

CAIC ALEXANDRE MONTORIL

 Rua Coronel Ferreira de Araújo s/nº - Petrópolis

ZONA CENTRO-SUL

CAIC AFRÂNIO SOARES

Avenida Tancredo Neves s/nº Shangrilá – Parque Dez

ZONA OESTE

CAIC ALBERTO CARREIRA

Avenida Brasil s/nº Compensa 1

ZONA CENTRO-OESTE

CAIC JOSÉ CARLOS MESTRINHO  

Rua 05, nº 367, Alvorada II

CAIC RUBIM DE SÁ

Desembargador João Machado s/nº Campos Elíseos - Planalto                                       

ZONA LESTE

CAIC ANA BRAGA

Rua Alameda Cosme Ferreira s/nº São José 1

CAIC DR. EDSON MELO

Avenida Alameda Cosme Ferreira nº. 7995 Zumbi 2

CAIC DR. JOSÉ CONTENTE  

Avenida Autaz Mirim nº 950 Jorge Teixeira

ZONA NORTE

CAIC GILSON MOREIRA

Rua 02, nº 70, Conjunto Mundo Novo Cidade Nova 1

CAIC DR. MOURA TAPAJÓS           

Avenida Samaúma, nº 606, Monte das Oliveiras - Galiléia 2

CAIC MARIA HELENA GOES                       

Avenida Chico Mendes, nº 690, Novo Israel

Publicidade
Publicidade