Publicidade
Manaus
CONFUSÃO

Após troca de tiros entre policiais, corregedorias da PC e PF vão apurar caso

Durante a ocorrência, Eloi Leo Berwanger, 46, e Mário Jorge de Assis Rebelo, 51 foram presos com meia tonelada de maconha, do tipo skunk 09/06/2017 às 11:49 - Atualizado em 09/06/2017 às 11:53
Show 0000000000
(Foto: Jander Robson)
Dani Brito Manaus (AM)

As corregedorias das polícias Civil e Federal vão investigar a troca de tiros entre agentes na noite de ontem em Manaus, nas proximidades do Estaleiro Rio Negro, na Zona Oeste de Manaus. Ambas equipes tinham como alvo comum uma embarcação com entorpecentes. 

Durante a ocorrência, Eloi Leo Berwanger, 46, Mário Jorge de Assis Rebelo, 51 foram presos com meia tonelada de maconha, do tipo skunk.

"Estávamos fazendo campana no local desde cedo. Ao vermos uma picate descarregando os entorpecentes, realizamos a abordagem e efetuamos as prisões dos dois envolvidos. Após isso uma lancha da PF descaracterizada se aproximou do local e atirou contra a lancha da PC. Na ocasião dois policiais federais foram baleados, no braço e no rosto de raspão e um policial civil foi atingido na mão", disse o delegado do DRCO, Guilherme Torres.

Todos policiais foram atendidos e levados para uma unidade hospitalar da cidade. Segundo a Polícia Civil, todos passam bem.

Os presos não tinham passagem pela polícia e eram responsáveis apenas pelo transporte da droga. Ambos foram autuados por tráfico de drogas e serão submetidos à audiência de custódia na tarde de hoje (9), no Fórum de Justiça Henoch Reis.

Publicidade
Publicidade