Sábado, 25 de Maio de 2019
Manaus

Artur promete recuperar 55 quilômetros de vias em Manaus

Artur e Hissa anunciaram algumas das ações que “darão uma nova cara para a cidade”. Os chefes do Executivo destacaram o projeto de recapeamento das principais avenidas de Manaus como sendo o de maior prioridade



1.jpg
Da esquerda para a direita, secretário de governo Humberto Michiles, vice prefeito Hissa Abrahão e o prefeito Artur Neto
24/04/2013 às 22:03

A promessa do prefeito Artur Neto (PSDB) e do vice e secretário de infraestrutura, Hissa Abrão (PPS) é transformar Manaus em um canteiro de obras nos próximos seis meses. Ao todo, a Prefeitura deverá investir cerca de R$ 600 milhões.

Em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (24), Artur e Hissa anunciaram algumas das ações que “darão uma nova cara para a cidade”. Os chefes do Executivo destacaram o projeto de recapeamento das principais avenidas de Manaus como sendo o de maior prioridade.

A expectativa é que 55 quilômetros de vias sejam recuperados, assim como calçadas e meio fio. O recurso a ser investido para a ação está na casa de R$ 150 milhões.

Entre as vias contempladas estão as avenidas Djalma Batista, Constantino Nery, Autaz Mirim, Alameda Cosme Ferreira, Avenida Humberto Calderaro Filho (Paraíba), André Araújo, Torquato Tapajós, Max Teixeira e Noel Nutels. 

Para realizar as obras, a Prefeitura espera firmar parceria com o Governo do Estado e com empresas privadas. Também dever reforçar as atividades, tropas do Exército Brasileiro, que deverá agir no perímetro que compreende a Avenida Pedro Teixera, principal passagem para o bairro da Ponta Negra, na Zona Oeste de Manaus.

Antigo expresso

Deverá ser feita também a recuperação das paradas de ônibus do antigo Expresso.

O sistema deve receber nova roupagem, com a reativação do corredor exclusivo, que deverá permitir também o tráfego de táxis. Nos locais, a secretaria de infraestrutura deve colocar grades de proteção e coberturas reforçadas.

Além de recuperar as paradas do Expresso, a Prefeitura deve construir mais 100 abrigos nas diversas Zonas de Manaus.

Terminais

Os terminais de ônibus estão incluídos na lista de obras, em junho T3 (Zona Norte), T4 (Zona Leste) e o T5 (Zona leste) terão suas reformas iniciadas. O T2 (Zona Sul) e o terminal da Constantino Nery serão desativados.

Também são prioridades

A reorganização do Centro e as ações da UGP-Copa também são consideradas prioridades conforme ressaltou o prefeito Artur Neto. Segundo ele, diversas secretarias estão envolvidas no estudo de projetos que retirem os camelôs das calçadas e os realoquem em lugares com viabilidade econômica.

Para o futuro

Contado com a aprovação de empréstimo de longo prazo solicitado à Caixa Econômica Federal, o Artur disse ainda, que pretende pensar em projetos para a construção de um heliporto, e um mirante próximo a praia da Ponta Negra.

Mas, para isso o tucano disse que avaliará junto com sua equipe as novas normas do Código Ambiental, que proíbe obras nas margens de rios que pertençam a Áreas de Proteção Ambiental (APP’S).

“Vou ter que conhecer melhor o novo projeto aprovado pelo Governo Federal. Mas, se não for contra a legislação pretendo trabalhar a ideia”, ressaltou.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.