SEMI-PRESENCIAL

Aulas na rede estadual de ensino em Manaus retornam dia 1º de junho, anuncia governador

"Não é justo que restaurante esteja aberto, shopping esteja aberto e escolas continuem fechadas", afirmou Wilson Lima; segundo secretário, escolas estão preparadas para o retorno de forma segura.

Portal A Crítica
28/05/2021 às 15:04.
Atualizado em 22/03/2022 às 15:13

O governador do Amazonas, Wilson Lima, confirmou, na manhã desta sexta-feira, o retorno  das aulas em formato semipresencial  nas escolas de Manaus da rede estadual de ensino para o dia 1º de junho. A alteração será incluída no novo decreto sobre as medidas de circulação durante a pandemia, que terá validade a partir de segunda-feira.

De acordo com o secretário de Estado da Educação, Luís Fabian, 80% dos professores do interior do Estado e 90% dos da capital estão imunizados com a primeira dose da vacina contra a Covid-19, o que, segundo ele, faz com que o Estado esteja preparado para o retorno às atividades. Há, no entanto, um movimento dos educadores para só retornar após a aplicação da segunda dose. "As escolas, me arisco a dizer, talvez seja o ambiente mais seguro para a pandemia. Porque ali os alunos estão protegidos, há uso de máscara, álcool em gel disponível e distanciamento social. Além do que, tem muitos alunos que vão para a escola por causa da merenda. Isso é importante também para garantir a segurança alimentar", justificou o governador. 

"Desde o ano passado, as escolas tiveram suas estruturas físicas adaptadas para implementação dos protocolos exigidos pelas autoridades de saúde", acrescentou o secretário. Segundo ele, haverá apenas metade dos alunos de uma classe presencialmente, enquanto o restante deve seguir no modelo remoto. "Receberemos os professores com todo o suporte necessário para que eles possam cuidar daquilo que é importante. Focar na aprendizagem", afirmou.

O governador inclusive convidou os pais para que visitem as escolas para entender os protocolos de segurança adotados. "Estamos voltando de forma consciente e responsável. Não é justo que restaurante esteja aberto, shopping esteja aberto, parque esteja aberto e escolas continuem fechadas. Escola é serviço essencial".

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por