Quinta-feira, 23 de Janeiro de 2020
Manaus

Batalhão Ambiental resgata tamanduá que andava na ponte sobre o Rio Negro

Segundo a polícia, o bicho estava vagando pela ponte e poderia causar acidentes. O tamanduá foi resgatado e levado para um refúgio de animais



1.gif O tamanduá ficou agressivo durante resgate, mas tudo ocorreu bem
30/03/2015 às 11:54

Um tamanduá da espécie Tamanduá-mirim, que andava pela ponte sobre o Rio Negro, foi resgatado pelo Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) na manhã desta segunda-feira (30), em Manaus.

Segundo a polícia, o bicho vagava pela ponte, próximo à cabeceira, do lado de Manaus, e poderia causar acidentes. A ponte liga Manaus ao município de Iranduba e chega a ter 162 metros de distância da água, no trecho central.



Policiais que monitoram o tráfego de veículos na ponte perceberam a presença do tamanduá e acionaram o Batalhão Ambiental. O bicho, de tamanho adulto para a espécie Tamanduá-mirim, estava aparentemente saudável e sem nenhuma lesão.


Segundo o tenente Torres, do BPAmb, o animal ficou agressivo durante resgate, mas tudo ocorreu bem. Segundo ele, o resgate de animais na ponte não é comum. “Ali foi a primeira vez, mas todo dia fazemos resgate de animais em área urbana”, disse.

O tamanduá foi levado para o Refúgio da Vida Silvestre Sauim Castanheira, localizado no bairro Puraquequara, fronteira verde da Zona Leste da cidade. Lá, o animal deverá receber os devidos cuidados.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.