Segunda-feira, 22 de Julho de 2019
Manaus

Bilhetagem eletrônica nos ônibus de Manaus terá biometria facial a partir de 2015

Medida tem o objetivo de coibir fraudes no uso de cartões de vale-transporte. Segundo empresa, aparelho registra fotos no momento do embarque do usuário e faz compação com imagem cadastrada no Sinetram



1.jpg Novo sistema fará registro de imagens e compará-las àquelas do cadastro
19/08/2014 às 16:12

Um sistema de bilhetagem eletrônica com biometria facial será implantado em Manaus a partir de 2015 pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram). A nova tecnologia tem o objetivo de evitar fraudes no sistema de transporte público com o cartão de vale-transporte.

Conforme a Dataprom – empresa que implantou o sistema de bilhetagem, o aparelho funciona registrando três fotos do usuário no momento de embarque: um segundo antes de encostar o cartão, ao encostá-lo no validador, e um segundo depois.

No processo, são obtidas três imagens que são usadas para identificar possível fraude. A comparação entre a foto tirada no validador e a registrada no cadastro é feita automaticamente, por meio de algoritmos. Se for confirmada a fraude, o cartão pode ser bloqueado. 

Segundo a empresa responsável, a Dataprom, o sistema já está em funcionamento nas cidades de São Luís (MA), São José dos Campos (SP) e Araucária (PR).

*A matéria recebeu uma atualização de informações após a assessoria do Sinetram alterar data da implantação do novo sistema de bilhetagem eletrônica. Antes havia a informação que o novo sistema seria implantado na terça-feira (15), mas a data foi alterada para 2015.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.