Publicidade
Manaus
REFORÇO

BNDES aprova empréstimo de R$ 30 milhões para a Manaus Ambiental

De acordo com o banco, aporte financeiro contribui para que a empresa reforce a gestão de caixa e atenda metas estabelecidas no contrato de concessão 16/10/2018 às 12:48 - Atualizado em 16/10/2018 às 13:19
Show manaus ca56879b 1446 4d09 bef8 10455f95c898
acritica.com Manaus

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou empréstimo de R$ 30 milhões, no âmbito do BNDES Giro, para a Manaus Ambiental, concessionária de água e esgoto da cidade de Manaus  

Responsável pela prestação de serviços públicos de captação, tratamento e distribuição de água e de coleta e tratamento de esgotamento sanitário do município, a Manaus Ambiental deve investir R$ 3,4 bilhões até o final da concessão, em 2045, para elevar o índice de tratamento de esgoto para 90% (hoje esse índice é de 19,01%) e manter o índice de distribuição de água de 98%. 

O financiamento do BNDES, de acordo com o banco, contribui para que a empresa reforce a gestão do caixa operacional no curto prazo e, desta forma, possa atender as metas estabelecidas no Contrato de Concessão. As estratégias definidas pela Manaus Ambiental incluem a ampliação do serviço de cobertura de água visando o atendimento das zonas de expansão da cidade; a busca de adesão de grandes clientes que não estão ligados ao sistema, como alguns consumidores industriais, comerciais e residenciais de alta renda; a redução de perdas de água; e a ampliação da rede de coleta e tratamento de esgoto. 

Mercado

Atualmente, são atendidos quase dois milhões de habitantes da capital amazonense, com 98% de cobertura da rede de distribuição de água na cidade. Contudo, até o momento, os índices de perda de água continuam altos (72%), considerando perdas físicas e comerciais. A companhia vem realizando investimentos em micro e macro medição, além de setorização, a fim de reduzir o índice de perdas para 60% até 2023. 

Publicidade
Publicidade