Sábado, 16 de Novembro de 2019
Manaus

Bolsa Universidade abre inscrições e oferece 6,8 mil vagas em faculdades de Manaus

Lançamento foi realizado na tarde desta terça-feira (30) pela Escola de Serviço Público Municipal (Espi). As bolsas serão distribuídas em 13 faculdades no primeiro semestre de 2015



1.jpg Diretora geral da Espi, Luiza Rebelo, no lançamento do Bolsa Universidade 2015
30/12/2014 às 17:58

Mais de 6,8 mil bolsas integrais e parciais de 75% e 50% em cursos de nível superior serão disponibilizadas para alunos de 13 instituições de ensino através do Programa Bolsa Universidade (PBU).  As inscrições para 2015 foram abertas nesta tarde de terça-feira (30), durante o lançamento do Programa, no auditório da Escola de Serviço Público Municipal (Espi), no Centro Universitário Nilton Lins, no Parque das Laranjeiras, na Zona Centro-Sul.

As vagas serão priorizadas em cursos de maior demanda e bolsas de maior percentual de desconto. Em 2014, o quantitativo de bolsas de 75% foi ampliado em 450% e a oferta de bolsas integrais em 268%.  



Nesta edição, apenas para o primeiro semestre, houve um incremento de 83% no quantitativo de bolsas integrais em comparação ao ano passado. 

A diretora geral da Espi, Luiza Rebelo, ressaltou que o Bolsa Universidade assume um novo formato para garantir a sustentabilidade do programa. “As alterações na legislação do PBU vão permitir coibir fraudes, permitir um acompanhamento ainda mais efetivo e assegurar o benefício para quem realmente precisa”, declarou.

De acordo com Luiza Rebelo, o Bolsa Universidade, em cinco ano, já contribuiu para o acesso de 61.583 pessoas ao ensino superior. Com a nova legislação, além do aspecto tributário do Programa, outros pontos foram revisados. Entre as novidades, 2% das vagas se destinam a idosos com idade a partir de 60 anos, e passa a ser exigido como critério a renda per capita de um salário mínimo e meio e não mais a renda familiar de quatro salários mínimos. 


Orientação

A diretora explica ainda que o candidato contemplado com o benefício receberá um manual explicativo sobre as regras do programa, que não exige a devolução do valor investido no curso, após a formatura, mas devem dar a contrapartida ao município, atuando em projetos da Prefeitura de Manaus e órgãos municipais, na área educacional, social, cultural e socioambiental, dentre outras.

As mais de 6,8 mil vagas são para o primeiro semestre do próximo ano. Para o segundo semestre, novas bolsas serão disponibilizadas para o cadastro de reserva do programa.


Confira as instituições estão credenciadas  no programa:

Faculdades Boas Novas

Ciesa
Dom Bosco
Esbam
Fametro
Fucapi
IAES
La Salle
Literatus
Martha Falcão
Materdei
Maurício de Nassau,
Nilton Lins
Uninorte



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.