Publicidade
Manaus
PROGRAMA

Bolsas de estudo de inglês são oferecidas para alunos da rede pública até 9 de agosto

Estudantes de baixa renda do primeiro ano do ensino médio da rede pública, na faixa etária de 15 a 18 anos de idade, podem se inscrever até o dia 9 de agosto no “Access” 04/07/2017 às 09:42 - Atualizado em 04/07/2017 às 10:08
Show meninas agora
O “Access” será realizado em várias cidades brasileiras, inclusive em Manaus (Foto: Evandro Seixas/ACrítica)
Rebeca Mota Manaus

Quem está em busca de processos seletivos para o segundo semestre pode se candidatar em várias oportunidades que dão acesso a bolsa de estudos em instituições renomadas no exterior, a fim de melhorar o currículo acadêmico. O “Access”, por exemplo, oferece bolsas de estudo que estão encerrando inscrições em agosto.

Estudantes de baixa renda do primeiro ano do ensino médio da rede pública, na faixa etária de 15 a 18 anos de idade, podem se inscrever até o dia 9 de agosto no “Access”, programa de bolsas de estudos de inglês e cultura americana oferecido pela Embaixada dos Estados Unidos, em parceria com centros binacionais em todo o país.

O “Access” será realizado em várias cidades brasileiras, inclusive em Manaus. Um programa de dois anos, cuja as bolsas são para estudantes aprenderem inglês e a cultura americana, além do voluntariado que será desenvolvido com eles.

A instituição parceira que fará a seleção de estudantes de Manaus é o Icbeu. Para se inscrever basta ir na sede da instituição, localizada na avenida Joaquim Nabuco, número 1286, no Centro, zona sul de Manaus ou também através do site: www.jovensembaixadores.org/2018 #sthash.ZaNG7dyn.dpuf.

Entre os requisitos além de estar cursando o primeiro ano do ensino médio da rede pública, tem que comprovar baixa renda familiar per capita, apresentar bom desempenho escolar, ter interesse em aprender a língua inglesa e demonstrar comprometimento com o programa.

Os alunos aprovados para participar do ‘Access’ recebem material didático gratuito e transporte. Após participar do Jovens Embaixadores, os estudantes podem continuar com outras iniciativas que vão alavancando suas carreiras.

“O programa me proporcionou atividades e experiências incríveis que eu jamais podia imaginar, é um programa que me despertou que tipo de pessoa eu quero ser na comunidade e como eu posso ajudar o país a andar para frente e ajudou a minha vida”, enfatiza Dayane Martins, jovem embaixadora 2017.

Desde 2003, 517 jovens brasileiros já participaram do programa. Os parceiros nessa iniciativa são: o Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED) e as Secretarias Estaduais de Educação, a rede de Centros Binacionais Brasil-Estados Unidos.

479 bolsas

A Comissão Fulbright no Brasil está oferecendo 479 bolsas para professores de inglês através do Programa de Desenvolvimento Profissional para Professores de Língua Inglesa (PDPI). Para se inscrever, é obrigatório lecionar a língua inglesa na rede pública de ensino básico. As inscrições estão abertas até dia 15 de julho através do site http://www.fulbrightsys.com.br/web/?app=pdpi.

Publicidade
Publicidade