Publicidade
Manaus
Manaus

Briga entre motorista e passageiro de ônibus acaba na delegacia

A briga aconteceu na manhã deste sábado (1) dentro de um veículo da linha 443 (Centro/Nova Cidade). O motorista passou por cima de uma poça e atingiu o passageiro que aguardava em uma parada. Irritado, o passageiro entrou no coletivo e ambos brigaram 01/06/2013 às 13:10
Show 1
Poucos sabem, mas, conforme o artigo 171 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB)- “Usar o veículo para arremessar, sobre os pedestres ou veículos, água ou detritos” é infração média
JOELMA MUNIZ Manaus

Uma infração de trânsito acabou em briga entre um motorista de ônibus da linha 443 (Centro/Nova Cidade), e um passageiro na manhã deste sábado (1). A confusão aconteceu quando o veículo percorria a avenida Djalma Batista no sentido centro/bairro.

De acordo com informações de populares, o motorista do coletivo passou em alta velocidade por cima de uma poça de lama, atingindo o passageiro que aguardava em uma parada de ônibus. Irritado, ele entrou no veículo agredindo o condutor, que ao responder aos socos e xingamentos, o chutou jogando-o para fora do coletivo. Com a força do golpe, o passageiro caiu e bateu a cabeça no meio fio.

O passageiro foi encaminhado ao Hospital Pronto Socorro João Lúcio, localizado na Zona Leste. A reportagem tentou obter informações sobre seu estado de saúde, mas, até o momento, não obteve êxito.

Confirma versão

Ao cabo da 22ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Eleutério, o motorista confirmou a versão contada pelas testemunhas, mas, ressaltou que só travou a briga para se defender.

A assessoria jurídica do Sindicato das empresas de Transporte Coletivo do Estado do Amazonas (Sinetram), não foi encontrada para prestar mais esclarecimentos. O caso foi registrado no 12º Distrito Integrado de Polícia (Dip), localizado no bairro Flores, Zona Centro-Sul de Manaus.

Molhar de propósito é crime

Poucos sabem, mas, conforme o artigo 171 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB)- “Usar o veículo para arremessar, sobre os pedestres ou veículos, água ou detritos” é infração média, passível de multa de aproximadamente R$ 215”.

Publicidade
Publicidade