Publicidade
Manaus
Manaus

Cabo da PM é baleado e afirma ter sido vítima de bala perdida; Ciops, porém, relata atentado

O policial contou que foi atingido na perna durante uma troca de tiros perto da onde estava, após uma tentativa de assalto. Mas, de acordo com relatório do Centro Integrado de Operações, suspeitos atrairam PM e dispararam contra ele. Vítima nega versão 29/07/2015 às 10:15
Show 1
Cabo foi atingido na perna durante a ação, em frente à sua residência
Fábio Oliveira Manaus (AM)

O cabo da Polícia Militar Marcelo Augusto da Silva Nave foi baleado com um tiro na perna esquerda em frente a sua residência, localizada na rua 40-B do bairro Amazonino Mendes, Zona Leste de Manaus, na noite de terça-feira (28).

À imprensa, o cabo relatou que estava conversando con sua esposa na frente da casa quando houve um tiroteio e ele foi baleado. Dois suspeitos teriam trocado tiros com outro PM, após o mesmo reagir a um assalto.

"Eu conversei com o dono de um comércio na esquina da rua e ele contou que esses homens tentaram roubar esse rapaz, que reagiu e trocou tiros com a dupla. Como eu estava próximo, fui atingido", explicou.


O policial militar foi liberado após atendimento médico (Foto: Fábio Oliveira)

Um dos suspeitos de cometer o crime, identificado como Jefferson Vieira Zura, de 18 anos, também foi baleado e está sob custódia no Hospital Pronto-Socorro Dr, Platão Araújo, na Zona Norte da capital.

Outra versão

Porém, de acordo com o relatório do Centro Integrado de Operações (Ciops), os suspeitos simularam uma discussão em frente a casa do policial e, quando ele foi verificar o que estava ocorrendo, a dupla seguiu em sua direção e atirou cinco vezes.

Alguns moradores também confirmaram a versão. O cabo negou e disse que não foi um atentado contra sua vida. Um boletim deve ser registrado no 27° Distrito Integrado de Poilícia (DIP), por ele.

Publicidade
Publicidade